28.6 C
Uberlândia
quarta-feira, abril 24, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesControle de verminoses aumenta produtividade

Controle de verminoses aumenta produtividade

Controlar as verminoses é investir no bem-estar animal, na produtividade do rebanho e no sucesso da fazenda

Muitos são os desafios do pecuarista durante o ciclo de produção. Para que os animais consigam ter um bom desempenho o produtor precisa se atentar aos detalhes. É essencial controlar doenças, parasitas e infecções para garantir a sanidade e bem-estar dos animais, e alcançar bons resultados em desempenho, produtividade e rentabilidade.

“A estruturação do calendário vacinal, dos protocolos de vermifugação e demais doenças são fundamentais, ainda mais num mercado tão competitivo que avança a cada ano”, disse Gerente Técnico de bovinos da Zoetis, Elio Moro.

A Zoetis, companhia global de saúde animal, em parceria com a Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), desenvolve o “Controle Estratégico de Verminoses 5-8-11 Zoetis”, cujo objetivo é melhorar o controle dos parasitos internos, aliando produtividade, facilidade de manejo e bem-estar animal.

Além do controle de verminoses, o controle estratégico 5-8-11 permite aliar produtividade, facilidade de manejo e bem-estar animal em um único programa. A relação custo-benefício é altamente favorável.

Veja algumas dicas para manter a sanidade do rebanho:

– Identificar os manejos que ocorrem dentro da fazendo (estação de monta, estação de nascimento, confinamento, campanhas oficiais na região da fazenda, etc.)

– Quais os programas de controle estratégicos são adequados/necessários para a propriedade (controle de carrapatos, controle de verminoses, controle de mosca do chifre, etc)

– Estruturar o calendário com todas as vacinas, vermífugos de forma a ter um cronograma anual de atividades

ARTIGOS RELACIONADOS

As tecnologias que aumentam a produtividade

Inovações para atuação dentro e fora da porteira garantem maior agilidade e simplicidade nos processos

Pecuária brasileira tem prejuízos próximos a R$ 70 bilhões

É essencial fazer o controle estratégico dos vermes e carrapatos, onde é realizado um protocolo antiparasitário antes que exista uma alta carga parasitária.

Silício contra a traça-do-tomateiro

O silício funciona como um produto complementar no controle fitossanitário no tomateiro.As doses de silício pulverizado via foliar promovem o aumento do tamanho do fruto e reduzem o ataque da traça-do-tomateiro, uma das principais pragas da cultura. Sendo fundamental acompanhamento do monitoramento da área e o uso de silício

Agro10X torna-se parceiro oficial da Gutenberg Ventures

Agro10X e Gutenberg Ventures se unem para impulsionar inovação no agronegócio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!