22.6 C
Uberlândia
quinta-feira, abril 18, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesMata Nativa BR se consolida no Mercado de Preservação Ambiental

Mata Nativa BR se consolida no Mercado de Preservação Ambiental

Com sua primeira RPPN na Mata Atlântica, Mata Nativa BR dá mais um passo na consolidação do Mercado de Preservação Ambiental brasileiro.

A RPPN Fazenda Mata Nativa recebeu na manhã desta quinta-feira (14) o Título de Reconhecimento auferido pela Resolução nº 116, de 22.10.2021, em evento a ser realizado na sede da Prefeitura de Iguape – SP.

Créditos: Divulgação

Com isto a empresa Mata Nativa Br, que ano passado se destacou ao doar a Fazenda Ribeirão da Mata, com 1197 ha, para a ampliação do Parque Carlos Botelho, no sul do Estado de São Paulo, recebendo em troca, Cota de Reserva Legal, para a compensação de áreas de reserva legal e ser a desenvolvedora em conjunto com a FRAM Capital, do Projeto Tauari, no Acre, que tem a capacidade de ser um dos maiores projetos da América Latina de Créditos de Carbono com alto impacto socioambiental, fecha um importante ciclo de desenvolvimento do mercado de preservação ambiental nacional.

“O projeto da Mata Nativa Br é confirmar que o Brasil tem potencial para ser o principal mercado de preservação ambiental. Podemos criar soluções sustentáveis com os pagamentos por serviços ambientais, tornando elegíveis as propriedades rurais que mantêm e melhoram as suas florestas e ainda, criar soluções através das preservações das florestas particulares, para que empresas invistam na conservação dos biomas nacionais” explica o CEO da Mata Nativa Br, José Augusto de Sousa Junior.

Situada no Município de Iguape, no litoral sul do Estado de São Paulo, a Fazenda Mata Nativa, com área de 291,81 hectares é composta por vegetação do bioma da Mata Atlântica, que foi transformada em uma RPPN, sendo 100% do imóvel destinado para a proteção da área em caráter de perpetuidade, conforme preconiza o Sistema Nacional de Unidades de Conservação – SNUC (Lei nº 9.985/2000).

O projeto foi orientado e aprovado pelos experientes técnicos da Fundação Florestal do Estado de São Paulo, que há anos vem trabalhando e incentivando o desenvolvimento de RPPNs no Estado.

“A instituição da RPPN Fazenda Mata Nativa e o protagonismo de seus proprietários vem agregar valor ao sistema estadual e nacional de unidades de conservação.

Ao resguardar a biodiversidade como geradora de importantes serviços ecossistêmicos, deixam um importante legado para o futuro, contribuindo para uma melhor qualidade de vida para todos”, diz Ana Fernandes Xavier., Analista de Recursos Ambientais.

ARTIGOS RELACIONADOS

Escolha: Semente ideal para milho safrinha

O milho safrinha, ou de segunda safra, é semeado entre os meses de janeiro a abril, normalmente após a colheita de soja, sendo cultivado nos Estados do Paraná, São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.

Melhoramento genético promove qualidade da carne do produtor ao consumidor

Com o mercado da carne aquecido, a produção na ponta também busca garantir a qualidade do produto que chega ao consumidor final.

Brasil já negociou 225 mil/t de arroz após a isenção da tarifa

O Brasil já negociou um total de 225 mil toneladas de arroz dos Estados Unidos, Índia e Guiana, que deverão entrar no país na segunda quinzena...

Instituições financeiras garantem presença na Bahia Farm Show 2022

Linhas de crédito e juros facilitados serão os principais atrativos para que produtores fechem os negócios de forma mais fácil e ágil na feira agrícola.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!