21.3 C
Uberlândia
domingo, julho 14, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioMercadoResistência da ferrugem da soja “‹é debatida por especialistas

Resistência da ferrugem da soja “‹é debatida por especialistas

Entre os assuntos mais relevantes para o grupo está a baixa eficiência no uso de carboxamidas no controle da ferrugem asiática“‹ “‹segundo dados do FRAC

Sintomas iniciais de ferrugem na soja - Crédito Jorge Jacob
Sintomas iniciais de ferrugem na soja – Crédito Jorge Jacob

Os principais nomes da fitopatologia do Brasil estiveram reunidos nos dias 3 e 4 de abril, em Campinas-SP, para discutir o momento atual da soja no país. Segundo os pesquisadores, a safra 2016/2017 apresenta 33,7 milhões/ha de área cultivada, o que significa dizer que o cultivo vem apresentando resultados positivos para a agricultura brasileira.

O Eagle Team, grupo de pesquisadores formado pela UPL, trabalha intensamente com pesquisas na área de fitopatologia na soja em todas as regiões importantes para a cultura no Brasil. Neste evento foram analisadas as consequências do aumento da resistência na busca de alternativas técnicas que possam ser utilizadas para controle de doenças e manejo de resistência para também promover a conscientização dos produtores sobre a prevenção de doenças no campo, proporcionando o debate sobre a situação da ferrugem asiática em cada região do país, programas de aplicação e o compartilhamento de experiências para que o problema, presente no cultivo da soja, possa ser resolvido e os produtores brasileiros não sejam tão impactados na produtividade.

“Os problemas de manejo são determinantes para a produção. No Cerrado, onde atuamos, percebemos um uso frequente de uma mesma molécula, quando na verdade deve ser inserido no manejo um produto protetor multissítio que atue de forma dinâmica no problema, assim o lucro do produtor não será comprometido“, afirma Paulo Bettini, pesquisador do Eagle Team.

Além dos fitopatologistas, o encontro contou também com a presença de Cláudia Godoy, pesquisadora da Embrapa Soja e Dado Schneider, Doutor em comunicação e palestrante.

“‹“‹Entre os assuntos mais relevantes para o grupo, está a procura de soluções para que o manejo de resistência da soja seja mais eficiente, uma vez que um novo grupo químico utilizado para o controle da ferrugem asiática ” as carboxamidas ou SDHIs ” foi vencido pela ferrugem, segundo dados do FRAC (Comitê de Ação à Resistência de Fungicidas).

“Os fungicidas multissítios, tecnologia trazida pela UPL para as grandes culturas, são de extrema importância para o momento. Devido suas características e formas de ação diferenciadas proporcionam o controle de doenças, promovendo o manejo de resistência. O que contribui para a proteção da lavoura e incremento de produtividade, beneficiando os produtores“, explica Marcelo Figueira, gerente de fungicidas da UPL.

Para Carlos Pellicer, presidente da UPL no Brasil, o encontro do Eagle Team proporciona ganhos para toda a agricultura nacional. “Discutimos inovações e fortalecemos os elos estabelecidos pelo grupo, afinal, o objetivo é o mesmo: busca por melhores tecnologias e resultados, com conhecimento, compromisso e referências“, conclui o presidente da UPL.

ARTIGOS RELACIONADOS

A importância da calagem e gessagem na cultura do cedro australiano

  Eduardo Stehling Biólogo e gestor de melhoramento da Bela Vista Florestal   Talvez por ser biólogo, tendo trabalhado como professor por alguns anos, gosto de escrever para...

Rastreabilidade é uma ferramenta para a segurança alimentar?

Autores Ronaldo Machado Junior Engenheiro agrônomo, mestre em Fitotecnia e doutorando em Genética e Melhoramento – Universidade Federal de Viçosa (UFV) ronaldo.juniior@ufv.br Herika...

Votorantim Cimentos aposta no calcário agrícola no Brasil

 Empresa planeja investir R$ 160 milhões nas marcas Calcário Itaú e Zincal, com expectativa de dobrar a capacidade produtiva em quatro anos   Neste ano, a Votorantim...

É hora do plantio de café

  Gustavo Hiroshi Sera tsera@iapar.br Tumoru Sera DSc. Melhoramento genético de café e pesquisadores do Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR) O plantio de café e o uso de mudas...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!