27.6 C
Uberlândia
segunda-feira, abril 22, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosTecnologia inédita para projetos de crédito de carbono

Tecnologia inédita para projetos de crédito de carbono

Moss Forest, primeira solução brasileira capaz de fazer monitoramento digital de florestas com inteligência artificial

A Moss, pioneira e líder mundial na comercialização de créditos de carbono, apresentou a empresários e investidores, o Moss Forest, tecnologia que deve expandir a capacidade da climatech de desenvolver projetos de crédito de carbono, considerados atualmente grandes aliados do Brasil na luta contra o desmatamento e para conter o avanço das mudanças climáticas.

O Moss Forest é a primeira plataforma brasileira capaz de fazer monitoramento digital para identificar áreas florestais, propriedades sem inconsistências de registros legais e, portanto, com potencial para a viabilização de projetos de crédito de carbono.

Crédito: Shutterstock

Com esta nova tecnologia, os executivos Luis Felipe Adaime, fundador e CEO da Moss, e Cláudia Backes, chefe da área de produtos da Climatech, subiram ao palco do South Summit para discutir propostas que podem mitigar os efeitos da crise climática e fortalecer ações para manter a floresta em pé.

Inovação

Segundo o executivo Luis Adaime, o Moss Forest é uma tecnologia inovadora, capaz de abreviar uma série de obstáculos no processo de implementação de projetos, assim como o de tornar mais eficiente o trabalho da equipe técnica que vai a campo para calcular o volume de carbono estocado em áreas florestais.

“Esta tarefa é complexa porque exige semanas de trabalho das equipes no meio de densas áreas florestais. O Moss Forest, por sua vez, entrega em minutos o que as empresas sem a solução podem levar até seis meses para realizar. É tudo mais rápido, simples e barato”, garante o CEO da climatech.

Adaime explica ainda que o Moss Forest é capaz de cruzar informações de diversas bases de dados, em tempo real, para saber, por exemplo, se há sobreposição das áreas com terras indígenas e Unidades de Conservação e se os registros dos imóveis estão em dia.

A ferramenta também pode receber alertas de focos de calor e desmatamento ilegal, além de reconhecer a biodiversidade de espécies da fauna e flora da região. “Só a inovação pode aumentar, acelerar e baratear o desenvolvimento de projetos de originação de créditos de carbono para manter a floresta de pé com urgência e efetividade”, avalia Adaime.

ARTIGOS RELACIONADOS

Show Safra 2023 será evento carbono neutro

Organizado pela Fundação Rio Verde, as ações sustentáveis se iniciaram com plantio de árvores. O evento é considerado a maior feira do agro do Mato Grosso.

Bancos e cooperativas oferecem linhas de créditos especiais durante Show Safra 2023

Seis instituições financeiras participam da mais completa feira de agronegócio de MT

Erva-mate na agenda global de discussões sobre o clima

A Embrapa Florestas e a Fundação Solidaridad estão desenvolvendo o projeto “Análise de sensibilidade ...

Acesso ao crédito e reputação socioambiental impulsionam produtividade do café em 2024

95,6% dos produtores rurais de café atuam de acordo com critérios socioambientais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!