18.1 C
São Paulo
sábado, agosto 13, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Uso do mulching no plantio do cafeeiro

Uso do mulching no plantio do cafeeiro

Créditos Divulgação
Créditos Divulgação

A técnica é uma ferramenta promissora para auxiliar os cafeicultores - Créditos Divulgação
A técnica é uma ferramenta promissora para auxiliar os cafeicultores – Créditos Divulgação

Impulsionado pela crescente falta d’água, dificuldades com mão de obra e a busca pelo aumento de produtividade e qualidade, o uso do mulching vem ganhando espaço também em culturas de ciclo longo, como o café.

O uso do Agroplás Eco Mulching Preto e Branco (EMPB) no plantio do cafeeiro vem chamando a atenção, pela economia proporcionada em insumos e mão de obra, pelo vigor vegetativo apresentado, menor replante de mudas, economia de água e aumento de produtividade.

Resultados recentes comprovam que a técnica é uma ferramenta promissora para auxiliar os cafeicultores, que mesmo passando por grandes períodos de déficit hídrico nos dois últimos anos, responderam com significativo aumento de crescimento de planta, ramos produtivos maiores e consequente melhor preparo para a próxima safra. Além disso, a lavoura manteve a umidade e segurou as floradas, muitas vezes abortadas no sistema convencional, nessa situação. Isso, consequentemente, levou a um expressivo aumento de produção na área.

Tanto em culturas de sequeiro como nas culturas irrigadas, o mulching tem demonstrado ser uma nova e ótima alternativa na formação dos cafezais. O Agroplás EMPB se destaca nesse segmento pela sua durabilidade superior, se tornando o único indicado para culturas de ciclo longo.

Essa matéria você encontra na edição de novembro 2015 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua.

 

Inicio Revistas Grãos Uso do mulching no plantio do cafeeiro