24.9 C
Uberlândia
sexta-feira, abril 12, 2024
- Publicidade -
InícioEventosCooxupé anuncia datas da Feira do Cerrado e da Femagri

Cooxupé anuncia datas da Feira do Cerrado e da Femagri

Em 2024, a novidade é que o evento de Monte Carmelo acontecerá primeiro, nos dias 7 e 8 de fevereiro; já o encontro no Sul de Minas será em março.

Com o tema “Cooperativismo: Construindo o Futuro Sustentável das Gerações”, a Cooxupé promoverá, em fevereiro e março do próximo ano, de forma presencial, as tradicionais Feira do Cerrado e FEMAGRI – Feira de Máquinas, Implementos e Insumos Agrícolas.

Diferente do que acontece anualmente, a Feira do Cerrado será realizada primeiro. O evento está marcado para os dias 7 e 8 de fevereiro, no núcleo em Monte Carmelo/MG. A expectativa é de reunir 79 estandes de produtos e novas tecnologias voltados à cafeicultura e receber seis mil visitantes durante os dois dias de evento.

Já a FEMAGRI, que acontece em Guaxupé, será realizada de 20 a 22 de março, reunindo as famílias cooperadas do Sul de Minas e da média mogiana do estado de São Paulo, que buscam tecnologias e soluções para suas lavouras e propriedades.

“Para 2024 foi preciso fazer alteração das datas e a Feira de Cerrado será antes da FEMAGRI. Já podemos adiantar que a condição comercial será liberada para todos os cooperados”, revela o supervisor de máquinas da Cooxupé, Douglas Ferreira.

Estrutura

A Feira do Cerrado contará com 50 mil metros quadrados, dos quais 11 mil metros serão de espaços cobertos. O cooperado poderá encontrar soluções em tecnologia, máquinas, implementos e insumos para café e cereais. O encontro tem entrada e estacionamento gratuitos, assim como acontece com a FEMAGRI.

“Além de conhecer de perto as máquinas, o cooperado também terá a oportunidade de conversar com especialistas de cada empresa presente no evento”, explica Ferreira.

Na Feira do Cerrado 2024, a cooperativa também montará uma estrutura especial para o cooperado se sentir “em casa” e realizar ótimos negócios com seus departamentos: Vectag, Seguros, SMC, Torrefação, Nespresso e a Fábrica de Rações.

“Ambas as feiras promovem um grande encontro da cafeicultura e apresentarão ótimas oportunidades para bons negócios”, destaca o supervisor de máquinas da Cooxupé.

ARTIGOS RELACIONADOS

Brasil registra alta de 5% nas exportações de café ante maio de 2021

Resultado reflete leve melhora no cenário logístico. Contudo, embarques seguem negativos no ano e na safra 21/22

Multitécnica – Cada vez mais próxima dos cafeicultores

A Multitécnica participa do Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras há mais de 10 anos. “A cada ano nos surpreendemos com o retorno que conseguimos...

Qual a relação entre ácidos húmicos e o déficit hídrico?

Atualmente, a cafeicultura vem passando por momentos atípicos diante das mudanças climáticas, como: verões mais rigorosos, estiagem, frio intenso, sendo a estiagem a mais crucial. Os ácidos húmicos têm sido propostos como solução.

70% dos agrotóxicos são consumidos no Cerrado

Agenda Jurídico-Política da Campanha Nacional em Defesa do Cerrado apresenta recomendações para redução e prevenção de impactos causados por agrotóxicos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!