26.6 C
Uberlândia
quarta-feira, abril 17, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesExportações do agro mineiro alcançam US$ 15 bilhões em 2022 e atingem...

Exportações do agro mineiro alcançam US$ 15 bilhões em 2022 e atingem recorde

Divulgação Seapa

As exportações do agronegócio mineiro alcançaram o valor recorde de US$ 15,3 bilhões em 2022, confirmando o bom desempenho dos meses anteriores e fechando o ano com o melhor resultado das vendas externas de toda a série histórica. Além do valor, o volume, de 13,6 milhões de toneladas, também se destaca como o maior já comercializado. 

No acumulado de janeiro a dezembro, a receita teve acréscimo de aproximadamente 46%, na comparação com o mesmo período de 2021. Os embarques de produtos agropecuários de Minas Gerais representaram 38,2% da pauta mineira de exportação, o maior percentual da série histórica, com início em 1997. 

Na avaliação do Secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Thales Fernandes, o agronegócio mineiro mostrou sua força e importância para o estado, num ano marcado pela alta demanda dos alimentos em todo o mundo e o aumento das inserções dos produtos mineiros nos principais mercados internacionais. “A receita é praticamente a soma do valor arrecadado em 2018 e 2019, período anterior ao início da pandemia, quando as vendas alcançaram US$ 15,8 bilhões nos dois anos somados”, compara.  

Pauta Diversificada 

A pauta exportada pelo agronegócio mineiro engloba um mix de 608 diferentes produtos agropecuários, que foram enviados para 152 países. Os principais destinos foram a China (US$ 4,6 bilhões), Estados Unidos (US$ 1,6 bilhão), Alemanha (US$ 1,5 bilhão), Itália (US$ 786 milhões) e Bélgica (US$ 696 milhões). 

Café 

Principal produto da pauta de exportações do agronegócio mineiro, o café apresentou recorde e a melhor performance das exportações, tanto no valor quanto no volume. O segmento alcançou US$ 6,9 bilhões (45% do valor exportado pelo agro mineiro), com o embarque de 28,5 milhões de sacas. 

O resultado foi puxado pelo aumento significativo das compras por parte dos parceiros mais costumeiros: Alemanha, Estados Unidos e Bélgica, além de outros 65 destinos internacionais. 

Complexo Soja 

As exportações do complexo soja (grão, farelo e óleo) somaram US$ 3,6 bilhões (+49%) e 5,8 milhões de toneladas embarcadas (+13%), recorde para as vendas da commodity.  

Carnes 

As carnes também obtiveram recorde com a receita de US$ 1,7 bilhão e 418 mil toneladas. As vendas já vinham crescentes e obtiveram expressivo aumento. 

A carne bovina liderou os embarques do segmento com US$ 1,4 bilhão e 233 mil toneladas. Os principais países compradores foram China (US$ 1,2 bi), Emirados Árabes Unidos (US$ 66 mi), Singapura (US$ 58 mi) e Hong Kong (US$ 52 mi). 

As carnes de frango obtiveram bom desempenho com registros de US$ 335 milhões e 159 mil toneladas embarcadas.  

Complexo Sucroalcooleiro 

No complexo sucroalcooleiro também houve recorde com US$ 1,4 bilhão e volume de 3,6 milhões de toneladas exportadas, o que representou uma elevação de 21% na receita em relação a 2021. 

Exportação Agronegócio Mineiro 2022  

Café: US$ 6,9 bilhões (45% do valor exportado pelo agro mineiro) 

Complexo Soja: US$ 3,6 bilhões (23%) 

Carnes: US$ 1,7 bilhão (11%) 

Complexo sucroalcooleiro: US$ 1,4 bilhão (9%) 

ARTIGOS RELACIONADOS

Simpósio de soja

A expectativa de produção de soja no Brasil, na safra 2021/22 é em torno de 134 milhões de ....

Segure uma xícara e exale o aroma de um bom café

Na cultura do café, é necessário um maior rigor na análise e interpretação dos resultados de custos, pois seu ciclo perene, com produção bienal, pode gerar uma grande diversidade de situações pré e pós-colheita dos grãos.

Agro registra saldo comercial recorde em 2020

A balança comercial do agronegócio brasileiro registrou superávit recorde no acumulado de janeiro a outubro deste ano, com saldo de US$ 75,5 bilhões. As exportações tiveram receita de US$ 85,8 bilhões, alta de 5,7% em relação ao mesmo período de 2019, com volume embarcado de 189,4 milhões de toneladas, aumento de 12,4%

Agro 4.0 é fundamental para Brasil ser, de fato, o celeiro do mundo

Uma das principais carências por tecnologias de automação na agricultura está no departamento de serviços administrativos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!