17.6 C
Uberlândia
quinta-feira, julho 18, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosHá 45 anos, o futuro é a semente

Há 45 anos, o futuro é a semente

Frederico Barreto

Gerente de Marketing e Comunicação da DuPont Pioneer

 

Créditos Pioneer
Créditos Pioneer

Desde sua fundação, há 91 anos, nos Estados Unidos, a DuPont Pioneer sempre acreditou que o futuro cabia dentro de uma semente. Foi em 1969, em uma conversa, no aeroporto de São Paulo, entre o visionário empresário gaúcho Jaymes Marques e Suri Sehgal, líder da divisão de negócios internacionais da Pioneer Hi-Bred, que a marca Pioneer estabeleceu uma parceria comercial com a empresa regional Proagro S.A., semeando o início de uma história de profundo pioneirismo e parceria com o agricultor brasileiro. Porém, foi em 1972 que definitivamente criou-se a joint venture Proagro-Pioneer S.A..

Desde seus primeiros passos, os produtos marca Pioneer® se diferenciaram por alavancar as produtividades da cultura do milho em nosso País. Inicialmente, importou híbridos melhorados diretamente por aquela que já era a maior empresa de genética de milho do mundo. Foi um avanço tecnológico incrível para a época.

Quando muitos produtores rurais comemoravam as façanhas de colher 50 sacos por hectare, a Proagro-Pioneer estabelecia médias de rendimento de 100 sacos do cereal em apenas um hectare. O híbrido da época era o 309B.

Marco

Evento realizado pela Pioneer - Créditos Pioneer
Evento realizado pela Pioneer – Créditos Pioneer

A década de 70 ficou marcada pelo avanço na área de desenvolvimento genético em solo brasileiro. As empresas, juntas, investiram em centros de pesquisa, principalmente no Sul do Brasil, que na época ainda era a principal região produtora do agronegócio do País.

Trabalhava-se com milhos híbridos duplos, focando em estabelecer melhores rendimentos tanto na produção das sementes como nos campos comerciais dos clientes. Na época, a empresa tinha sua sede administrativa e produção de sementes estabelecidas em Santa Cruz do Sul (RS).

Os anos 80 foram de decisões importantes. A Proagro fora inteiramente adquirida pela multinacional americana. Naquele período, a modernização do modelo de negócio no Brasil com maior foco no agricultor, bem como os avanços para produção e comercialização de sementes no Centro do Brasil foram marcos importantes.

A empresa investiu fortemente em unidades de beneficiamento de sementes, em Santa Rosa (RS) (a segunda em solo gaúcho) e em Itumbiara (GO), além de estações de pesquisa em regiões não distantes das plantas de produção.

Surgiram os primeiros híbridos triplos em solo brasileiro, tais como 3232, 3210 e 3230, produtos que consolidaram a posição de líder em tecnologiade alto investimento no Sul do País e abriram mercado para, então, levar suas inovações aos agricultores do Brasil Central.

 O constante investimento em pesquisas é uma marca da Pioneer - Créditos Pioneer
O constante investimento em pesquisas é uma marca da Pioneer – Créditos Pioneer

Inovações

Já no fim da década de 80, início dos anos 90, a empresa inovou, mais uma vez, agora em seu plano de marketing e acesso ao mercado. Investiu na aquisição de carretas-balança e instalou diversos campos demonstrativos e plantios lado a lado com a concorrência, em lavouras de clientes, comparando a produtividade por meio do peso de grãos.

Até aquela época, o agricultor ainda não tinha o hábito de debulhar e pesar sua produção desta forma. Por meio de sua força de vendas já formada por representantes comerciais exclusivos, massificou o uso de placas de beira de estrada e de dias de campo com colheita, sempre nas propriedades de seus clientes.

Foi uma forma pioneira e revolucionária de promover seus produtos, que culminou com a primeira publicação impressa de resultados de lavouras comerciais do mercado nacional de sementes. O chamado Livro Preto foi um verdadeiro alvoroço.

Com este modelo de trabalho, o representante comercial da marca Pioneer® passou a estar ainda mais envolvido com o negócio dos clientes, afinal, conhecia os talhões, as práticas de manejo e podia, desta forma, orientá-los sobre ajustes técnicos e posicionamento de produtos de maneira pontual, oportunizando novos aumentos nos rendimentos finais.

Foi uma fase de inovação nos eventos de campo. Com as Áreas Polo, os representantes comerciais passaram a promover verdadeiras aulas de manejo e posicionamento in loco. Assim, a empresa podia garantir que estava cumprindo com dois dos objetivos de sua missão, escritos no seu Long Look (Visão para o Futuro) ainda na década de 50 nos EUA ” “fornecer informações úteis para os seus clientes“ e “promover sem mistificar“.

A DuPont Pioneer vem cumprindo sua missão de caminhar junto ao agricultor, oferecendo os melhores produtos - Créditos Pioneer
A DuPont Pioneer vem cumprindo sua missão de caminhar junto ao agricultor, oferecendo os melhores produtos – Créditos Pioneer

Híbridos marca Pioneer® com tecnologia Leptra® de proteção contra insetos – disponível também em versão tolerante ao herbicida glifosato.

Agrisure® e AgrisureViptera® são marcas registradas utilizadas sob licença da Syngenta GroupCompany.

A tecnologia Agrisure® incorporada nessas sementes é comercializada sob licença da Syngenta CropProtection AG.

Tecnologia de proteção contra insetos Herculex® desenvolvida pela Dow AgroSciences e Pioneer Hi-Bred.

®Herculex e o logo HX são marcas registradas da Dow AgroSciencesLLC.

LibertyLink® e o logotipo são marcas registradas da Bayer.

® YieldGard é marca registrada utilizada sob licença da Monsanto Company.

Intacta RR2 PRO® é marca registrada utilizada sob licença de uso da Monsanto Company.

As marcas com ®, â„¢ ou SM são marcas e marcas de serviço da DuPont, Pioneer ou de seus respectivos titulares. © 2017 PHII

Essa matéria completa você encontra na edição de junho 2017 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua para leitura integral.

 

 

 

 

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Tomate Dominador oferece vantagens competitivas em tempos difíceis

  Após um grande período de seca, a estação chuvosa se aproxima para grandes regiões do Brasil. Normalmente, esse período é um vilão para a...

Empresa nacional entra no mercado de sementes de milho com híbridos licenciados e genética própria

Atuando no mercado brasileiro há 63 anos, a Nortox S.A. lança linha de sementes de milho nesta safra 17/18 com o objetivo de, nos...

Produtividade – Como alcançar o teto na cana-de-açúcar

AutoresCamila Carvalho Mestre em Agronomia e sócia/pesquisadora da empresa KP Consultoria Ltda. camila_carvalho03@hotmail.com  Gustavo A. Santos Engenheiro agrônomo e doutor em Agronomia/Fertilidade...

Microquimica apresenta Check Folha Café® durante a Fenicafé

A Microquimica participou por vários anos da Fenicafé, até o ano de 2009, e neste ano voltou novamente, para apresentar uma novidade importante para...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!