Produtores rurais doam respiradores para hospitais de MS

0
119

Ao todo a iniciativa Mãos Solidárias doará 9 respiradores a dois hospitais

Crédito – Internet

O Hospital Municipal de Chapadão do Sul e outro de Costa Rica receberão novos respiradores, doados por produtores rurais ligados à Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores de Algodão (Ampasul). Os produtores rurais se uniram à outras empresas e entidades, que formam o projeto Mãos Solidárias, e juntos conseguiram 9 respiradores, sendo 7 doados por cotonicultores.

A iniciativa tem por finalidade prevenir a região em possíveis tratamentos contra o Covid-19. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Chapadão do Sul, até o momento foram registrados dois suspeitos de Covid-19. E a Secretaria de Estado de MS, aponta uma suspeita em Costa Rica. Os moradores da região têm receio de que os casos se alastrem, e não tenham todas as ferramentas necessárias para o tratamento de pessoas com possível insuficiência respiratória.

Cada respirador tem o custo médio de  R$16 mil. E os associados da Ampasul que se empenharam na doação foram: o Grupo Schlatter, Grupo JCN, Agropecuária Loeff, SLC Agrícola e Fazenda Campo Bom (FCB). 

Além de diversas entidades e empresas, outras entidades ligadas à agropecuária estão na campanha Mãos Solidárias, como a Fundação Chapadão, Grupo Schlatter e Ser Clínica. A campanha continua e pessoas, físicas ou jurídicas, podem contribuir doando álcool gel, sabão em barra, máscara cirúrgica, luva de procedimento, aventais e macacão descartável e outros materiais que serão distribuídos para famílias de baixa renda e profissionais da área de saúde.