28.6 C
Uberlândia
domingo, maio 19, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosQuais os impactos da degradação ambiental no Brasil?

Quais os impactos da degradação ambiental no Brasil?

Marco Moraes, pesquisador especialista em mudanças climáticas, explica como as ações humanas transformaram a Terra em um lugar imprevisível e perigoso.

Aquecimento global, efeito estufa, degelo das calotas polares, ondas de calor extremo, secas, morte dos oceanos e destruição dos ecossistemas. Essas são algumas das ocorrências que muitos acreditam se tratar de problemas do futuro, sem impacto real no agora.

Porém, segundo o geólogo Marco Moraes, distúrbios assim já fazem parte da realidade no presente e são indicadores claros da degradação ambiental. Em Planeta Hostil, publicado pela Matrix Editora, o especialista em mudanças climáticas descreve como a humanidade tem transformado a Terra em um lugar inóspito.

Sem eufemismos e tentativas de minimizar a situação, Moraes mostra de maneira arrepiante como estamos à beira de uma catástrofe por conta de ações do homem que geraram mudanças irreversíveis. Cada capítulo revela de que forma o uso de combustíveis fósseis, as atividades das indústrias do cimento e do plástico, a pesca predatória e a criação indiscriminada de pastos destroem ecossistemas e, por consequência, toda a cadeia de vida do planeta.

A obra chama atenção para os efeitos visíveis do aquecimento global como as tempestades cada vez mais destruidoras, os recordes seguidos de altas temperaturas, a avanço acelerado do mar nas cidades litorâneas e a falta de água em locais onde ela sempre foi abundante. Também traz luz para os sinais que passam desapercebidos, como a ingestão de microplásticos por meio da alimentação, o desaparecimento de espécies inteiras de insetos e da progressiva intoxicação química da população mundial.

Apesar do tom de alerta, o autor não incentiva o cinismo e nem alimenta a desesperança. As exposições de Planeta Hostil deixam claro que as consequências do que fizemos à Terra são amplas e graves, a ponto de ameaçar a própria existência humana, mas servem também como um apelo à ação e convidam o leitor a se unir a um movimento urgente para evitar mais devastação.

“Tempos difíceis virão. No entanto, com boa informação, realismo e pragmatismo, podemos vencer o nosso maior inimigo, que, você já sabe, somos nós mesmos”, declara o geólogo Marco Moraes.

Ficha técnica

Livro:
 Planeta Hostil
Autoria:
 Marco Moraes
Editora:
 Matrix Editora
ISBN:
 978-65-5616-421-2
Páginas:
 336
Preço: 
R$ 79,00
Onde encontrar: Matrix Editora e Amazon

Sobre o autor

Marco Moraes é geólogo formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA/UFRGS) e Ph.D. pela Universidade de Wyoming (EUA). Atuou durante maior parte de sua carreira profissional, de mais de 37 anos, como pesquisador do Centro de Pesquisa da Petrobras (CENPES). Desde 2017, quando deixou a vida corporativa, dedica-se a estudar os problemas do planeta.

ARTIGOS RELACIONADOS

Brasil pode superar os Estados Unidos na exportação de milho

Com produção em alta, o Brasil se destaca como líder mundial nas exportações do cereal

Ceplac: 65 anos de pesquisa e tecnologia para o cacau brasileiro

Há três anos, em uma área inicial de cultivo de bananas em Barreiras, na Bahia, o produtor Moisés ...

Mercado de feijão na cidade de Lavras, MG

O Brasil é o maior produtor mundial de feijão (Phaseolus vulgaris L.), seguido da Índia e da China.

Regiões cafeeiras do Brasil atraem amantes da bebida

Unindo a experiência turística à cafeicultura regional, seis estados se destacam por opções gourmet

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!