21.6 C
Uberlândia
sábado, abril 13, 2024
- Publicidade -
InícioDestaques5 plantas que prometem ser tendência em 2023

5 plantas que prometem ser tendência em 2023

Para todos os gostos e ambientes, conheça as espécies que devem fazer sucesso entre os apaixonados por plantas

Assim como para quem tem outros tipos de passatempos ou interesses em temas específicos, os apreciadores e cultivadores de plantas também estão sempre de olho nas novidades que o mundo da jardinagem tem para oferecer. E esse interesse vai desde saber os tipos de produtos e manejos específicos para cuidar de cada plantas, até quais são as novas espécies que vão surgindo e caindo nas graças do público.
 

Seja por detalhes, ou por características cada vez mais exóticas de cores e estruturas, novas espécies vão surgindo anos após anos. Ou ainda, espécies que já são velhas conhecidas acabam voltando à tona, desta vez sobre um novo olhar. Acompanhando as tendências atuais do mercado da jardinagem, o engenheiro-agrônomo da Forth Jardim, Marcos Estevão Feliciano, separou algumas espécies que prometem fazer sucesso em 2023.

. Orquídea com Babador – para os apaixonados por orquídeas

Nome Científico: Zygopetalum sp
Cuidados básicos: “Assim como toda orquídea ela precisa de bastante claridade, mas não luz solar direta, são epífitas ou rupícolas, então o substrato precisa ser a base de casca de pinus, chips de coco e carvão vegetal para ter uma boa aeração. A adubação deve ser feita a cada 15 dias com fertilizantes para orquídeas.”
Curiosidades: É uma espécie de orquídea brasileira e recebe esse nome pelo fato da união de suas pétalas com a coluna e o labelo (pétala modificada) criarem uma “saliência” que faz com que ela pareça estar com um babador pendurado.

2. Borboleteira – para os apaixonados por flores exóticas

Nome Científico: Rotheca myricoides 
Cuidados básicos: “É uma planta rústica, crescentar os cuidados básico de rega, sol/luz se tem necessidades especificas de poda periódicas ou algo do gênero”.
Curiosidades: Ela é um arbusto, perene, originário da África tropical. Passa quase o ano inteiro carregada de flores, que são azuis pequenas e de pétalas arredondadas, com cabinhos que lembram antenas de borboletas, é como se tivessem várias borboletas azuis estivessem pousadas em seus ramos.

3. Flor Paraquedas – para os apaixonados por suculentas

Nome Científico: Ceropegia sandersonii
Cuidados básicos: “acrescentar os cuidados básico de rega, sol/luz se tem necessidades específicas de poda periódicas ou algo do gênero”.
Curiosidades: pertence à família das suculentas e é uma trepadeira, incomum nesse grupo de plantas. É muitas vezes confundida com planta carnívora, pelo fato de suas flores agirem como armadilhas para atrair insetos polinizadores. E recebe esse nome pelo formato, com suas flores, que são similares a de um paraquedas.

4. Mini Girassol – para os apaixonados por mini plantas

Nome Científico: Helianthus annuus ‘sunny smile’
Cuidados básicos: “Como os demais girassóis é uma planta anual, que após o florescimento seca e temos que replantar suas sementes, porém sua floração tem uma excelente durabilidade. Se você comprou uma, mantenha ela em local com boa claridade, se possível com luz solar direta, regue quando a terra começar a secar e adube com fertilizante para flores a cada 15 dias.”
Curiosidade: O “Sunny Smile” (sorriso ensolarado) pode variar de 15 a 45 centímetros de altura e floresce melhor no verão. Apesar de pequeno, seus talos são resistentes, sendo perfeito, por exemplo, para quem tem criança e animais de estimação em casa.

5. Casco-de-Tartaruga – para os apaixonados por urban jungle

Nome Científico: Alocasia nebula ‘imperialis’
Cuidados básicos: “Os cuidados são similares as demais plantas de Urban Jungle, mantenha em meia sombra, regar apenas quando o substrato começar a secar e adubar com um fertilizante equilibrado como por exemplo o 13 05 13 completo com macro e micronutrientes a cada 15 dias.”
Curiosidade: A sua característica marcante é o fato de ter as folhas “coriáceas” (duras como couro), podendo ter variações de cores em tons de cinza e verde. Além de ondulações perfeitas, tem nervuras muito marcadas e trata-se de uma planta exótica, com uma produção aqui no Brasil ainda embrionária.


Outras espécies que vieram para ficar
 

A Begônia é outra espécie que também já conquistou espaço entre os amantes da jardinagem, sendo uma das suas variações mais recentes a “Begônia Viking”, que leva este nome justamente por sua característica rústica e altamente resistente ao calor extremo. Uma curiosidade é o fato de suas folhas possuem uma camada de cera/gordura natural protetora, que reflete a luz do sol e a torna resistente à desidratação, impedindo que perca muita água. Além disso, trata-se de uma PANC, suas flores são comestíveis, levando sabor e beleza aos pratos.

Já a Anigozanthos é uma espécie de herbácea que também faz parte do time das plantas exóticas. Conhecida como “Pata-de-canguru”, ela tem duas características principais que lhe rendem a associação com o animal. Primeiro o fato de ser nativa do sudoeste da Austrália (mesmo local de origem dos cangurus) e segundo por ser rústica com flores atraentes, tubulares e cobertas por pelos aveludados, lembrado as patas de um canguru. As flores apresentam tons vibrantes ou pastéis de amarelo, laranja, vermelho, verde, marrom, rosa e roxo e há muitas cultivares diferentes conforme o objetivo, podendo ser: flor-de-corte, planta envasada ou paisagismo, cada uma com porte e em cores diferenciadas.

ARTIGOS RELACIONADOS

Branco Motores lança o aparador de cerca viva – BAC 600

Equipamento é recomendado para profissionais da jardinagem que buscam excelência na manutenção da área verde em propriedades.

Lisianthus sem pólen chega para revolucionar o mercado de flores

Inovador, este lançamento reduz a aplicação de defensivos, amplia a durabilidade pós-colheita e resiste ao transporte a longas distâncias.

Abelhas escolhem flores de melão

Os produtores já haviam observado que as flores do melão são pouco atrativas para as abelhas ...

“Estufas Abertas” receberão turistas em Holambra somente nos dias 1 e 2 de abril

O evento garante aos turistas a possibilidade de conhecer a produção de flores e plantas ornamentais em cinco fazendas da típica cidade holandesa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!