13.6 C
Uberlândia
quarta-feira, maio 29, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioDestaquesA praga hidraúlica

A praga hidraúlica

Tudo o que o produtor rural precisa saber sobre a praga hidráulica

Altas temperaturas, incidência de pragas e proliferação de doenças. O campo, infelizmente, está sujeito a muitas adversidades, durante a safra. Por isso, a palavra-chave é prevenção. Quanto mais protocolos eficientes adotarmos nas propriedades, menores os riscos de produção.

Dentro deste contexto, os produtores rurais precisam se atentar aos maquinários agrícolas. Isso porque as mangueiras hidráulicas dessas máquinas podem levar sujeira (contaminação) para o sistema hidráulico, dando origem a praga hidráulica e impedindo que as máquinas agrícolas desempenhem suas funções em elevados índices produtivos.

Bruno Ract, diretor de marketing da Ultra Clean Brasil, empresa comprometida com as causas do agronegócio brasileiro e totalmente engajada com as questões ESG, explica que durante o processo de fabricação da mangueira, mais precisamente no momento do corte, é gerado uma grande quantidade de sujeira. “Se a mangueira, sem estar completamente limpa, for conectada ao sistema hidráulico de uma máquina agrícola, ela poderá danificar a bomba hidráulica e diversos componentes, causando sérios prejuízos aos produtores rurais. Isso ocorre porque a mangueira hidráulica é o principal elemento que leva sujeira (contaminação) para o sistema hidráulico de uma máquina agrícola”, pontua.

Parada não programada de uma máquina agrícola – Além de danificar a bomba hidráulica e diversos componentes de pulverizadores, colheitadeiras, tratores e plantadeiras, uma mangueira suja poderá contribuir para a parada não programada de uma máquina agrícola. Segundo a Caterpillar, 80% das falhas que ocorrem no sistema hidráulico das máquinas agrícolas são provenientes justamente da contaminação (sujeira).

Por isso, é importante que o produtor rural faça a limpeza das mangueiras hidráulicas das máquinas agrícolas. Com a UC System, tecnologia exclusiva da Ultra Clean Brasil, o produtor rural realiza a limpeza a seco, em menos de 1 segundo, das mangueiras hidráulicas, evitando, desta forma, que a contaminação (sujeira) entre em contato com o sistema hidráulico das máquinas agrícolas e contribuindo para a redução de custos com troca de peças. Para se ter ideia, a troca de uma bomba hidráulica por uma nova pode vir a custar R$ 150 mil.

Pilar Ambiental – A tecnologia UC System contribui com o “E” do ESG. Ao impedir que a contaminação entre no sistema hidráulico, a tecnologia reduz 50% do consumo de óleo e triplica a vida útil da bomba hidráulica. Ou seja, quando o produtor rural utiliza o UC System, a máquina agrícola consome menos óleo e utiliza a bomba hidráulica por um maior tempo, contribuindo para a redução na fabricação destes itens e fortalecendo a economia circular.

ARTIGOS RELACIONADOS

Maior incidência de pragas eleva área tratada

A maior safra de grãos da história será colhida em 2021: a produção deve superar 269 milhões de toneladas (+4,3% sobre a anterior), mesmo em meio aos desafios impostos pela pandemia da Covid-19.

Pragas que atacam a lavoura de milho

A produção de milho no Brasil para a safra 2020/21 teve uma redução de 16,4% em relação à ...

Iniciativa da Bayer no combate à cigarrinha

Parceria firmada com a agtech Farmbox e CGM Monitoramento auxilia produtores no controle da praga que atinge cultura do milho.

Adubação verde: Por onde começar?

A adubação verde é uma prática agrícola que consiste em plantar uma espécie vegetal que, após atingir seu pleno desenvolvimento vegetativo, será cortada ou acamada, sendo sua massa deixada sobre a superfície ou incorporada ao solo com a finalidade de manter ou aumentar seu conteúdo de matéria orgânica, que, reconhecidamente, é capaz de melhorar suas condições físicas, químicas e biológicas, favorecendo o crescimento e rendimento das culturas econômicas em sucessão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!