25.6 C
Uberlândia
sábado, abril 13, 2024
- Publicidade -
InícioNotíciasAdjuvante com alta tecnologia será apresentado à cafeicultores da Alta Mogiana

Adjuvante com alta tecnologia será apresentado à cafeicultores da Alta Mogiana

Divulgação

O cultivo de café na região da Alta Mogiana, englobando 23 municípios, sendo 16 no estado de São Paulo e sete em Minas Gerais, é mundialmente reconhecido pela qualidade dos grãos. Além da altitude, índice pluviométrico e clima considerados perfeitos para a produção, também são importantes a mecanização do cultivo e a adoção de soluções que garantam maior sanidade e produtividade dos cafezais.

Para auxiliar os produtores nessa jornada, a Fortgreen, pertencente ao Grupo Origin, apresentará durante o Simpósio do Agronegócio Café da Alta Mogiana (Simcafé 2023), de 6 a 8 de março, em Franca/SP, um portfólio altamente inovador e focado em solucionar os principais problemas da cultura. Segundo o engenheiro agrônomo e representante de vendas da empresa na região, Carlos Mateus de Oliveira, esta é a segunda vez que a marca participa do evento, que é organizado pela cooperativa Cocapec.

“Para a Fortgreen é muito importante e estratégico, levando nossa marca e produtos para mais de dois mil produtores que devem passar pelo local. Na oportunidade, haverá contato direto com os cafeicultores, com muita troca de informações, e com certeza com grandes negócios”, enfatiza o profissional.

Um dos destaques no evento será o adjuvante LI 700, poli funcional, e que tem alto poder de penetração e translocação dos agroquímicos sem causar fitotoxicidade. “Este é considerado por pesquisadores como um dos melhores e mais completos do mercado, com grande poder de quebrar a tensão superficial das gotas”, explica Oliveira. A solução também é dotado de poder de tamponamento da calda, gera padronização e uniformização das gotas, diminuindo drasticamente a deriva.

Outras ferramentas

Durante o Simcafé, os visitantes também poderão conhecer mais sobre a linha de CRF (Controlled Release Fertilizer), que são fertilizantes de liberação controlada. De acordo com o engenheiro agrônomo, as soluções dotadas dessa tecnologia se adequam com precisão ao manejo do café. “Também vamos demonstrar os benefícios e resultados do Black Gold, produto orgânico com alto teor de substâncias húmicas e fúlvicas em sua composição, proveniente de um mineralóide mundialmente conhecido como Leonardita”, informa Oliveira.

O evento

O simpósio reúne informação e oportunidades de aquisição em máquinas, implementos e insumos fundamentais ao cafeicultor. Esta é a 14ª edição e a entrada é gratuita. Durante os dias de evento os produtores se informarão com palestras e conhecerão as novas tecnologias das maiores empresas do país. Além de oportunidades comerciais, o Simcafé contará com palestras e workshops sobre a cafeicultura.

ARTIGOS RELACIONADOS

Himev – Pioneira em trituração

A proposta da Himev para a cafeicultura é a renovação das lavouras por meio da trituração, eliminando as tradicionais queimadas e enriquecendo o solo...

Brusone do trigo – Atualmente o maior problema do trigo tropical

A ‘brusone do trigo’ é uma doença fúngica que pode manifestar-se nas folhas, no caule e na espiga do trigo, onde promove os maiores danos econômicos nesta cultura. Atualmente, são reconhecidos os fungos Pyricularia oryzae e Pyricularia graminis-tritici como causadores da doença.

A versatilidade do mulching no uso da água

Mônica Bartira da Silva Engenheira agrônoma e doutora em Agronomia/Horticultura - UNESP monica.bartira@gmail.com Marília Caixeta Sousa Bióloga e doutoranda em Ciências Biológicas - UNESP Luan Fernando Ormond Sobreira...

Cafés do Brasil ocupa área de 1,82 milhão de hectares

Em nível mundial safra 2021/2022 está estimada em 164,8 milhões de sacas, sendo 53% de cafés

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!