24.6 C
Uberlândia
quinta-feira, abril 18, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosBenefícios do mulching para a produção de abobrinhas

Benefícios do mulching para a produção de abobrinhas

O mulching consiste em cobrir o solo ao redor das plantas com uma camada de material orgânico ou inorgânico, como palha, folhas secas, casca de árvores, plástico agrícola ou outros materiais disponíveis.

Caio Xavier dos Santos
Engenheiro agrônomo – Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA)

Sinara de N. Santana Brito
Harleson Sidney Almeida Monteiro
harleson.sa.monteiro@unesp.br
Engenheiros agrônomos e mestrandos em Agronomia/Horticultura – UNESP

Uma das principais vantagens do mulching é a sua capacidade de proteger as abobrinhas do ataque de ervas daninhas. Ao criar uma camada de cobertura sobre o solo, o mulching atua como um bloqueio físico, impedindo que as sementes de plantas daninhas presentes no solo entrem em contato direto com a luz solar.

Como as plantas invasoras necessitam de luz para germinar e se desenvolver, essa barreira impede que elas alcancem seu pleno desenvolvimento e, consequentemente, acabem morrendo.

O mulching mantém a umidade do solo
Fotos: Ana Maria Diniz

Mais vantagens do mulching

Além da proteção contra a luz solar, o mulching também funciona como uma barreira física, dificultando a chegada de sementes de plantas daninhas ao solo. Muitas vezes, as sementes dessas plantas são trazidas pelo vento ou transportadas por animais, mas o mulching atua como uma espécie de escudo, evitando que essas sementes aterrissem e germinem ao redor das abobrinhas.

Outra vantagem do mulching é a redução da competição entre as culturas e as ervas daninhas por nutrientes, água e espaço. As plantas daninhas tendem a ser bastante resistentes e se desenvolvem em diversos tipos de solo, o que significa que elas podem rapidamente esgotar os recursos disponíveis, tornando difícil o crescimento saudável das abobrinhas.

Com o mulching, a cultura terá acesso privilegiado a esses recursos, promovendo seu crescimento de forma mais vigorosa e saudável. Outro ponto a ser destacado é que o mulching também ajuda a manter a umidade do solo, reduzindo a evaporação da água e a necessidade de irrigação frequente. Isso é particularmente importante em climas quentes ou períodos de estiagem, quando a água é um recurso escasso e precioso.

As abobrinhas, ao serem beneficiadas com o ambiente mais úmido, terão maior resistência ao estresse hídrico e, consequentemente, melhores chances de desenvolvimento. Além de todos os benefícios mencionados, o mulching também ajuda a melhorar a estrutura do solo ao longo do tempo.

Particularidades da abobrinha

Como a abobrinha é uma cultura de ciclo curto, o controle biológico artificial é uma boa opção para ser combinado com o mulching e garantir maior eficácia no controle de plantas daninhas a curto prazo.

O maior cuidado desse método é não introduzir um organismo vivo que acabe sendo nocivo à abobrinha, mas esse método, juntamente com o mulching inorgânico. se complementam bastante, já que o uso do mulching promove uma redução considerável das plantas invasoras devido aos benefícios que o mulching proporciona.

Com a barreira física do mulching ocorre a redução da quantidade de luz solar que alcança ao solo, a qual irá suprimir a germinação de sementes invasoras e restringir o seu acesso aos nutrientes e água presentes no solo.

Esses fatores, juntamente com o controle artificial biológico introduzindo organismos predadores, parasitoides ou patógenos específicos as populações das ervas daninhas, vão diminuir significativamente.

Essa estratégia favorece práticas agrícolas mais sustentáveis, visto que irá diminuir a dependência de herbicidas químicos, minimizando os impactos ambientais negativos ao meio ambiente e à saúde humana, o que promoverá um equilíbrio do ecossistema agrícola e a preservação da biodiversidade local.

Influência na produtividade

O mulching irá influenciar na temperatura do solo de várias formas e isso impactará bastante no desenvolvimento e produtividade das abobrinhas. O isolamento térmico é uma das influências do mulching no solo, dependendo do tipo de mulching, seja orgânico ou inorgânico.

Dependendo da cor e tipo de plástico, o mulching atuará de forma mais intensa ou não nesse isolamento.

Isso se dá porque o mulching age como uma barreira física, reduzindo a transferência de calor entre o solo e o ambiente externo. Manter a temperatura estável em uma região de clima quente e seco é excelente para o produtor, pois é propício para o cultivo de abobrinha e permite que ela alcance seu maior potencial produtivo.

Interferência da cor

Outra finalidade importante do mulching é a redução ou aquecimento do solo, o que vai depender bastante da cor utilizada no mulching inorgânico, como por exemplo, o plástico na cor preta pode absorver demais a energia solar e fazer com que a temperatura do solo aumente muito e a cultura da abobrinha acabe não suportando uma intensa luminosidade, causando queimas nas folhas, estresse hídrico e outros fatores que venham a denegrir a produtividade da abobrinha.

Já o plástico na cor branca irá refletir bastante os raios solares, mantendo a condição do solo mais frescas reduzindo o aquecimento do solo em regiões mais quentes. Outra função muito importante para a cultura da abobrinha é a proteção contra geadas, visto que a abobrinha não tolera temperaturas baixas e em regiões mais frias, essa função do mulching pode ajudar bastante o produtor a se manter buscando um maior desenvolvimento e produtividade para o seu cultivar.

O mulching contribui para maior produtividade
Foto: Ana Maria Diniz

O mulching pode afetar a atividade microbiana no solo. Dependendo da condição do solo, se for quente e úmido, favorecerá a atividade dos microrganismos que irão ajudar na mineralização dos nutrientes, deixando-os prontamente disponíveis à abobrinha.

Essas alterações nas condições térmicas podem ter impactos significativos no desenvolvimento da cultura da abobrinha e no solo, tornando o mulching uma ferramenta muito importante no manejo e no aumento da eficiência da produção da abobrinha.

O que esperar do mulching

Os benefícios do mulching são diversos, a partir da utilização da técnica do mulching. A redução da evaporação da água proporcionada pelo mulching na produção de abobrinhas é um benefício de extrema importância, especialmente em regiões com climas quentes e secos.

A cobertura do solo com mulching atua como uma barreira física que impede a rápida evaporação da umidade presente no solo, o que resulta em diversas vantagens para o cultivo da abobrinha. Em regiões de climas quentes e secos, a evaporação da água do solo pode ser bastante significativa.

Com a evaporação ocorrendo em ritmo acelerado, a água disponível para as plantas fica indisponível no solo, dificultando a absorção pelas raízes das abobrinhas. Esse fenômeno pode levar a estresse hídrico nas plantas, prejudicando seu desenvolvimento e crescimento saudável.

Irrigação

Quando a água é escassa no solo, as abobrinhas enfrentam dificuldades para obter os nutrientes essenciais para o seu crescimento, o que pode levar à diminuição da produtividade e até mesmo à morte das plantas.

A necessidade de irrigação é acentuada em regiões com altas taxas de evaporação, onde as plantas necessitam de mais água para suprir a perda constante de umidade no solo.

O excesso de irrigação pode gerar gastos significativos com água e energia, além de contribuir para o desgaste ambiental e a escassez de recursos hídricos. A agricultura consome uma grande quantidade de água, e qualquer medida que permita economia e uso eficiente desse recurso é essencial para uma produção agrícola sustentável.

É nesse contexto que o mulching se torna uma solução eficaz e vantajosa. Ao cobrir o solo ao redor das plantas de abobrinha, o mulching reduz significativamente a evaporação da água, criando uma espécie de “barreira protetora” que impede a rápida perda de umidade do solo para a atmosfera.

Essa retenção de umidade beneficia diretamente as plantas, garantindo que elas tenham acesso a uma quantidade adequada de água para seu desenvolvimento saudável, mesmo em períodos de clima seco. A redução da evaporação proporcionada pelo mulching também tem impactos positivos na economia de água de irrigação.

Com menos água evaporando do solo, a necessidade de irrigação é reduzida, o que significa que os produtores podem economizar recursos hídricos e reduzir os custos associados ao uso excessivo de água. Além disso, ao economizar água de irrigação, contribui-se para uma gestão mais responsável e sustentável dos recursos naturais, preservando a disponibilidade de água para outros usos e para as futuras gerações.

ARTIGOS RELACIONADOS

Qualidade que se degusta

A Itaueira, empresa familiar com sede em Fortaleza (CE), é a produtora do famoso melão REI, o legítimo melão da redinha, conhecido tanto no...

Maturação nutricional e seus benefícios para o canavial

Confira o artigo de autoria de João Alves.

Panorama nacional da produção de melancia

A produção brasileira de melancia corresponde a 105.064 hectares de área colhida e a 2.314.700 toneladas. O Nordeste lidera em termos de área plantada e de produção, com 36.864 ha e uma produção de 663.458 toneladas, seguido pelas regiões sul, norte, centro-oeste e sudeste do País. Dentre os Estados, o Rio Grande do Sul é o maior produtor nacional (18.551 ha).

Ginegar – Cultivo protegido tem nome

Desde 2001 a Ginegar participa da Hortitec, uma oportunidade que Alessandro Mangetti, diretor de Vendas e Marketing da empresa enxerga para expor as tecnologias voltadas para a área de produção em ambiente protegido na área vegetal e animal, bem como o lançamento de novas tecnologias no mercado brasileiro provenientes de trabalhos de pesquisa e desenvolvimento em Israel e no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!