27.7 C
Uberlândia
segunda-feira, abril 22, 2024
- Publicidade -
InícioNotíciasBrasileiros apoiam alimentos à base de plantas

Brasileiros apoiam alimentos à base de plantas

Mais da metade dos brasileiros defendem alimentos à base de plantas, aponta pesquisa realizada pela Ipsos para o programa EscolhaVeg.

Mais de dois terços das pessoas no Brasil são favoráveis à alimentação à base de plantas, caracterizada pela alta ingestão de alimentos de origem vegetal, aponta pesquisa realizada pela Ipsos para o programa EscolhaVeg. O estudo constatou que 68% são favoráveis a alimentos à base de plantas (origem 100% vegetal). Mostra ainda que 47% das pessoas entrevistadas já consomem regularmente alimentos plant-based. Saúde (82%), preocupação com o meio ambiente (49%) e sabor (48%) aparecem como os principais motivadores deste consumo.

Créditos: Divulgação

Com o objetivo de identificar o perfil de consumo de proteínas vegetais e a percepção da população brasileira sobre alimentos à base de plantas, a pesquisa traz dados que reforçam o potencial de crescimento do mercado plant-based no Brasil. Além do crescente interesse das pessoas nesse tipo de alimentação, os dados evidenciam a preocupação da população com o meio ambiente e a busca por empresas que compartilhem desses valores.
 

Os resultados da pesquisa mostram que 74% das pessoas entrevistadas acreditam que empresas que oferecem produtos à base de plantas contribuem para um mundo mais sustentável. Além disso, 69% dos respondentes preferem frequentar estabelecimentos que se comprometem com a redução do impacto ambiental.
 

Para Julia Seibel, gerente de Parcerias Corporativas do EscolhaVeg, programa da Mercy For Animals no Brasil (MFA), a pesquisa apresenta oportunidades para as empresas. “O destaque para a preocupação com a saúde e com o meio ambiente sugere que o padrão de consumo plant-based atende também a critérios do ESG (ambiental, social e governança). Este consumo representa um indicador positivo e importante para empresas que adotam práticas sustentáveis e socialmente responsáveis em suas operações”, analisa.
 

A executiva conta que há diversas possibilidades para empresas trabalharem com alimentos à base de plantas. “A oferta é ampla e vai desde o desenvolvimento de pratos com alimentos in natura, priorizando uma alimentação mais natural, até o investimento em análogos que recriam a experiência de produtos de origem animal, trazendo sabor, textura e aroma”, afirma Julia.
 

Na mão inversa do potencial de crescimento, 78% das pessoas entrevistadas indicaram o preço como principal obstáculo no consumo plant-based fora de casa. Quase dois terços (63%) apontaram a disponibilidade destes produtos como barreira para expansão do consumo. “O Brasil conta com uma infinidade de matérias-primas que podem ser utilizadas como ingredientes para o mercado plant-based, e isso permite diferentes combinações e técnicas culinárias que podem resultar em pratos inclusive mais acessíveis do que as opções ditas convencionais”, argumenta Julia. “O nosso trabalho é auxiliar as redes a entenderem quais opções se adequam melhor aos seus perfis e, ao mesmo tempo, atender a demanda do consumidor por preço acessível, saúde e sabor”, complementa a executiva.
  Para a conclusão da pesquisa, foram feitas 1.001 entrevistas por meio da plataforma Ipsos.Digital, com representatividade da população brasileira: abrangência nacional, pessoas entrevistadas acima de 18 anos e das classes ABCDE, entre janeiro e fevereiro deste ano. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais.

ARTIGOS RELACIONADOS

Alimentos enriquecidos

Alimentos enriquecidos são uma nova era na nutrição.

Rally da Safra avalia lavouras

A partir de segunda-feira, 22 de fevereiro, duas equipes técnicas do Rally da Safra ...

Plant-based: o mercado de alimentos vegetais movimentará US$ 4,6 bilhões até 2030

A Revista Campo & Negócios Hortifrúti apresenta sua matéria de capa sobre o mercado plant-based.

Aposta: Hortaliças inusitadas para conquistar mercados

Nos últimos anos a busca por alimentos saudáveis vem crescendo. Com a onda “fitness”, produtos de baixa quantidade de calorias e alto valor nutricional são considerados essenciais para uma vida saudável, dentre os quais as hortaliças são grandes aliadas para uma dieta nutritiva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!