23.6 C
Uberlândia
terça-feira, junho 18, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosDupla ação na cultura da cana-de-açúcar

Dupla ação na cultura da cana-de-açúcar

 

Luciano Olmos Zappelini

Gerente de Produção e Desenvolvimento da Koppert do Brasil

 

 O fungo Trichodermahazianum atua como fungicida microbiológico - FotosKoppert
O fungo Trichodermahazianum atua como fungicida microbiológico – FotosKoppert

O uso de Trichodermaharzianum vem se consagrando nos sistemas agrícolas brasileiros nos últimos dez anos, muito em função da obtenção do primeiro produto registrado no Brasil à base do fungo Trichodermahazianum como fungicida microbiológico, obtido pela Koppert no ano de 2007.

Os dados de campo do Trichodermil SC 1306 celebram a excelência do produto na redução e controle de diferentes alvos, como Fusarium (podridão), Rhizoctonia (mela ou tombamento) e Sclerotinia (mofo branco) para diversas culturas, desde grãos, gramíneas até HF.

Seu modo de ação ocorre de maneiras distintas, dentre elas pelo controle de fungosfitopatogênicos, uma vez que o Trichoderma possui alta competência em colonizar solos e sistemas radiculares. Isso, primeiramente, propicia ao fungo a ocupação dos sítios de infecção e, por consequência, a produção de metabólitos, enzimas (substâncias voláteis) que são liberadas pelo Trichoderma, gerando uma barreira química aos fitopatógenos.

Também desencadeiam nas plantas uma resposta fisiológica à produção de fitohormônios, o que diretamente maximiza o potencial produtivo das culturas, caracterizando assim a ação de promoção de crescimento de plantas. O Trichoderma ainda possui a capacidade de parasitar escleródios e hifas de fungos causadores de doenças no solo, inviabilizando-os e contribuindo significativamente para a redução da incidência de doenças. A solubilização de nutrientes no solo, tornando-os disponíveis às plantas, também é atribuída à ação do Trichoderma na rizosfera.

 Luciano Olmos Zappelini,Gerente de Produção e Desenvolvimento da Koppert do Brasil
Luciano Olmos Zappelini,Gerente de Produção e Desenvolvimento da Koppert do Brasil

Inovação

Por meio de muita inovação em pesquisa frente aos diferentes modos de ação do agente biológico de controle Trichodermaharzianum, cepa 1306, constatou-se que alguns metabólitos ou enzimas possuem ação direta sobre populações de nematoides fitopatogênicos, dentre eles o Pratylenchuszeae (nematoide das lesões).

Desde então, a Koppert dedicou-se à condução de repetidos campos experimentais, bem como ensaios de praticabilidade agronômica contra o alvo Pratylenchuszeae acarretou na inclusão deste no registro do produto Trichodermil SC 1306, passando para fungicida e nematicida microbiológico por meio da aprovação do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) desde setembro de 2017.

Sendo assim, além de todos os já conhecidos benefícios e vantagens da utilização desta moderna ferramenta, o produto Trichodermil SC 1306 passa a ter dupla ação (fungicida e nematicida microbiológico) na cultura da cana-de-açúcar, combatendo diretamente fungos e nematoides fitopatogênicos.

Essa matéria você encontra na edição de dezembro 2017 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua.

ARTIGOS RELACIONADOS

JKS – Nossa qualidade, sua segurança

A JKS participa da Hortitec há 14 anos. “Esta é a maior feira especializada em cultivo protegido da América Latina, e temos a oportunidade...

Azospirillum e suas vantagens para a cana-de-açúcar

AutoresMônica Bartira da Silva monica.bartira@gmail.com Luan Fernando Ormond S. Rodrigues Engenheiros agrônomos e doutores em Agronomia Alexandre Rodrigues Mansano Biólogo e mestre em...

GIROAgro mostra seu crescimento e consolidação no mercado

A GIROAgro está presente em todos os estados brasileiros e com portfólio segmentado em oito linhasde produtos. A GIROAgro hoje se destaca entre as...

Bicho-Mineiro: “Come quieto“ e devasta seu cafezal

  Por Flávio Irokawa, Engenheiro Agronômo gerente de Marketing de H&F da FMC Agricultural   Bebida saboreada há mais de mil anos pela humanidade e que cada...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!