21.6 C
Uberlândia
quinta-feira, maio 30, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioDestaquesFertilizantes com aminoácidos minimizam impactos do El Niño

Fertilizantes com aminoácidos minimizam impactos do El Niño

Essas mudanças climáticas podem intensificar o estresse biótico e abiótico nas plantas, resultando em quedas significativas na produtividade e na qualidade dos produtos.

Os impactos do El Niño no Brasil têm se manifestado fortemente nos últimos meses, marcados pelo aumento notável no volume de chuvas e pelas elevadas temperaturas. Estes fatores representam um desafio adicional para as colheitas e ecossistemas agrícolas, principalmente porque, segundo a Organização Mundial de Meteorologia (OMM), os efeitos devem perdurar até abril de 2024. Essas mudanças climáticas podem intensificar o estresse biótico e abiótico nas plantas, resultando em quedas significativas na produtividade e na qualidade dos produtos.

El Nino

Em geral, as plantas estão sempre sujeitas a algum tipo de estresse biótico (ataque de pragas e doenças) e/ou abiótico (temperaturas extremas, falta de água, entre outros fatores). No entanto, mudanças abruptas intensificam esse cenário. O gerente da área técnica da Ajinomoto® Fertilizantes, divisão de agronegócios da Ajinomoto do Brasil, Rafael Hirano, enfatiza que quanto mais saudável a planta, melhor será a sua recuperação após um evento adverso como um déficit hídrico ou ataque de patógenos.

Pensando em auxiliar os produtores rurais a enfrentarem o período, a Ajinomoto® Fertilizantes apresenta soluções à base de aminoácidos que podem contribuir na prevenção e no alívio dos efeitos negativos do estresse climático.

AMINO Proline

Fertilizante organomineral de alta tecnologia, que desempenha um papel essencial para auxiliar as culturas no combate a condições severas de estresse. Composto por uma mistura exclusiva de aminoácidos, o fertilizante é indicado para proteger as plantas em condições adversas de déficit hídrico e temperaturas extremas.

Produzida naturalmente pelas plantas, a prolina é um aminoácido hidrofílico e é fundamental na regulação osmótica, ou seja, na entrada e na saída de água nas células. No entanto, fornecer o aminoácido prolina antecipadamente, por meio de aplicações foliares, economiza tempo e energia da planta, permitindo uma melhor resposta ao estresse.

AMINO Imune

Fertilizante organomineral, composto por aminoácidos específicos que atuam como sinalizadores para a planta, alertando-a sobre possíveis ataques de pragas e doenças. Ao ativar rotas metabólicas de defesa, o produto fortalece a capacidade da planta de se proteger contra futuras ameaças. A aplicação preventiva do AMINO Imune proporciona à planta uma condição conhecida como efeito Priming, em que ela memoriza como se defender.

O uso correto desses produtos pode beneficiar qualquer cultura e auxiliar na prevenção de estresses causados por altas temperaturas, por exemplo. O clima quente e intenso que poderá chegar nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste com a passagem do El Niño pode acelerar a desidratação das plantas e resultar em escaldadura, um fenômeno em que as folhas são “queimadas” devido à super excitação de elétrons no interior da planta, levando à produção excessiva de radicais livres. “Nestes casos, o aminoácido prolina, presente no AMINO Proline, pode neutralizar os efeitos tóxicos desses radicais livres em excesso, além de auxiliar no controle osmótico das células”, explica Hirano.

Em relação ao excesso de chuvas que poderá atingir a região Sul do país, algumas medidas podem ajudar a proteger as plantas, deixando-as menos propensas a doenças e pragas, como: o uso de variedades resistentes, o controle fitossanitário adequado, a higiene dos maquinários agrícolas e a nutrição equilibrada das plantas por meio de análises de solo e foliar.

Rafael Hirano destaca que a preparação antecipada e a implementação de boas práticas agrícolas são essenciais para diminuir os desafios determinados pelo El Niño e outras condições climáticas extremas. Além disso, o executivo reforça o compromisso da Ajinomoto® Fertilizantes com a preservação do meio ambiente, ressaltando a importância de medidas sustentáveis e conscientes. Confira aqui o portfólio completo.

ARTIGOS RELACIONADOS

Volume de importação de fertilizantes alcançou 30,5 milhões de toneladas de janeiro a setembro

m aumento de 4,5% em relação ao mesmo período do ano passado, porém, em outubro, com uma redução de 14,6% das compras, o acumulado em 2022 está em 33,3 milhões de toneladas. 

Fertilizantes organominerais: o seguro na produção de alface

Descubra as vantagens dos fertilizantes organominerais na produção de alface e como eles ajudam a otimizar a absorção de nutrientes e água pela planta.

Microrganismos surgem como alternativa aos fertilizantes tradicionais

O uso dessa biotecnologia nas lavouras e nos solos vem crescendo e os resultados são consistentes em economia e sustentabilidade.

Biofertilizantes: Solução contra doenças na lavoura orgânica

O Brasil está se consolidando como um grande produtor de alimentos orgânicos. Dados do Sebrae indicam que o crescimento em consumo de orgânicos no Brasil cresce 25% anualmente, sendo que aproximadamente 17 mil propriedades já estão certificadas para a produção de orgânicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!