23.1 C
São Paulo
domingo, janeiro 23, 2022
- Publicidade -
- Publicidade -
Inicio Revistas Grãos Fertilizantes especiais proporciona melhor desempenho no milho

Fertilizantes especiais proporciona melhor desempenho no milho

Rafael Rosa RochaEngenheiro agrônomo e mestrando em Ambiente e Sistemas de Produção Agrícola – Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)rafaelrochaagro@outlook.com

Milho – Crédito: Ademir Torchetti

Os fertilizantes especiais são adubos com formulações diferenciadas, desenvolvidos para atender às necessidades específicas da produção de uma determinada cultura, e têm demonstrado ótimos desempenhos no milho.

Essa característica faz com que o desempenho desses fertilizantes seja ainda melhor, quando comparado aos convencionais, já que eles possuem exatamente os macro e micronutrientes que as plantas precisam.

Quem são eles

Mas, afinal, o que são esses fertilizantes especiais? Que benefícios podem trazer para o produtor de milho? De forma simples, os fertilizantes especiais são produtos advindos da adição de tecnologias que visam aumentar a eficiência destes fertilizantes, podendo ser utilizados em substituição aos fertilizantes minerais convencionais ou associados aos mesmos, com o objetivo de fornecer, de forma eficaz e equilibrada, nutrientes às culturas.

Dentre os fertilizantes especiais que podemos citar estão os fertilizantes minerais, orgânicos, organominerais, biofertilizantes, substratos para plantas e condicionadores de solo.

Desta forma, a utilização desse tipo de fertilizante tem por finalidade reduzir as perdas e aumentar o aproveitamento dos nutrientes, proporcionando maior eficiência do mesmo e, em muitos casos, promovendo a disponibilização gradual dos nutrientes à planta.

Além disso, melhora as propriedades físicas do solo (estruturação, armazenamento de água, drenagem interna nos microporos, diminui a variação brusca de temperatura do solo que interfere nos seus processos biológicos e na absorção de nutrientes pelas plantas); químicas (aumenta o poder tampão, a CTC do solo e a disponibilização de nutrientes) e microbiológicas (favorece a biodiversidade e proliferação de microrganismos benéficos ao sistema solo-planta).

Opções

Existem variadas fórmulas para enriquecer o solo, algumas que combinam elementos e outras que contam com um único nutriente de forma concentrada. O uso de cada uma depende de diversos fatores, como as deficiências do solo, as necessidades nutricionais das espécies cultivadas e a fase de crescimento da planta, já que estágios diferentes podem requerer nutrientes distintos.

Seja qual for o caso, os fertilizantes especiais são uma boa opção, pois tanto na adubação foliar como na convencional, promovem uma absorção rápida que, por consequência, nutre o solo e as plantas com agilidade. Ou seja, com os fertilizantes especiais você oferece os nutrientes corretos na dose certa para cada cultura e consegue corrigir deficiências ou mesmo fortalecer ainda mais as espécies, de forma ágil e eficiente.

E assim, como no nas demais culturas o milho também tem obtidos ótimos resultados, em relação a diminuição de estresses hídricos, aumento de produtividades e rentabilidade com o uso correto de adubos em suas áreas de produção.

Benefícios

O uso de aminoácidos nas composições desses fertilizantes tem colaborado para diminuir de maneira considerável o estresse das plantas a fatores como altas ou baixas temperaturas.

Para ler o restante deste artigo você tem que estar logado. Se você já tem uma conta, digite seu nome de usuário e senha. Se ainda não tem uma conta, cadastre-se e aguarde a liberação do seu acesso.

Inicio Revistas Grãos Fertilizantes especiais proporciona melhor desempenho no milho