Inicio Revistas Hortifrúti Importância do manejo nutricional com respaldo na análise foliar da batata

Importância do manejo nutricional com respaldo na análise foliar da batata

0
317

 Emanuel Alexandre Coutinho Pereira

Consultor de Vendas HF da Agrozap, Uberaba (MG)

Renato Passos Brandão

Gestor Agronômico do Grupo Bio Soja

Fernando Jardine

Representante Técnico de Vendas do Grupo Bio Soja

Ulisses Garcia

Assistente Técnico do Grupo Bio Soja

 

Créditos Bio Soja
Créditos Bio Soja

Em 3 de junho deste ano foi realizado um dia de campo na propriedade do Sr.  José Luiz Varaldo, localizada em Almeida Campos, distrito de Nova Ponte (MG). O foco do dia de campo foi o controle sustentável das pragas, doenças e manejo nutricional na cultura da batata. A variedade utilizada foi a Cupido com espaçamento de 80 cm.

O evento foi organizado pela Bio Soja, Agrozap (parceira Bio Soja em Uberaba e região) e duas empresas de defensivos agrícolas. Tivemos a participação de cerca de 30 produtores de batata e técnicos da região, número acima das expectativas devido às chuvas que ocorreram na tarde anterior.

O Gestor Agronômico da Bio Soja, Renato Brandão, enfatizou a importância do manejo nutricional sustentável na cultura da batata. Inicialmente, foi abordada a importância da análise de solo na recomendação dos corretivos agrícolas e fertilizantes de solo e foliares (Figura 1).

Figura 1. Manejo nutricional na cultura da batata.

 Figura 1

Posteriormente, foi enfatizada a importância da análise foliar no manejo nutricional da batata, uma ferramenta fundamental como complemento da análise do solo e que deve ser utilizada para avaliação do estado nutricional da cultura e ajustes no programa nutricional.

A amostragem das folhas da batata deve ser realizada na amontoa coletando-se a folha mais desenvolvida, no total de 30 folhas com o pecíolo, por talhão uniforme.

Manejo nutricional

A adubação de plantio foi realizada com 2 t/ha do 08-28-16 com 10% de S, 0,1% de B e 0,3% de Zn. A adubação na amontoa foi realizada com 350 kg/ha do 20-00-20.

No sulco de plantio da batata foram aplicados 15 L/ha do NHT® Humic e 2 L/ha do NHT® Cálcio Max. Estes dois fertilizantes estimulam o maior desenvolvimento das raízes da batata, melhorando a absorção de água e nutrientes.

Além disso, o NHT® Humic estimula a atividade dos microrganismos benéficos, tornando o solo mais propenso ao desenvolvimento do sistema radicular da batata. É importante mencionar que o NHT® Humic foi associado a um produto biológico à base de Bacillus subtilis.

Correção nutricional

Conforme comentado anteriormente, foi realizada a amostragem das folhas da batata na amontoa. Os teores dos nutrientes nas folhas da batata estavam na faixa adequada para a cultura, exceto o potássio, boro e zinco. Com o intuito de corrigir as deficiências nutricionais, foram aplicados via foliar o NHT® Mega K, NHT® P-Boro-P e NHT® Zinco para o fornecimento de K, B e Zn, respectivamente.

Créditos Bio Soja
Créditos Bio Soja

O NHT® Mega K é um fertilizante foliar fluido com uma formulação diferenciada. A fonte do K é o carbonato de potássio e a absorção foliar ocorre numa umidade relativa do ar bem menor do que as demais fontes de K.

O NHT® P-Boro-P é um fertilizante foliar fluido com uma formulação diferenciada. O boro é complexado com polióis, proporcionando uma maior translocação do nutriente no floema das plantas.

A colheita da batata foi realizada em 9 e 10 de junho e a produtividade no talhão com os produtos da Bio Soja associado com o Bacillus subtilis foi de 883 sc/ha, bem superior à média regional.

Essa matéria você encontra na edição de julho da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira a sua.

SEM COMENTÁRIO