26.6 C
Uberlândia
quarta-feira, abril 24, 2024
- Publicidade -
InícioTecnologiaInteligência artificial transforma pecuária

Inteligência artificial transforma pecuária

Para as novas tecnologias serem aplicadas em larga escala, no entanto, ainda há grandes desafios a serem superados, de acordo com especialista da MadeinWeb.

A Inteligência Artificial (IA) tem impactado significativamente a atividade pecuária, trazendo diversas inovações e benefícios. Embora a prática seja relativamente nova, a tendência de crescimento é alta, impulsionada pelo aumento da demanda por produtos de origem animal de alta qualidade e sustentáveis, segundo Vinicius Gallafrio, CEO da MadeinWeb, provedora de TI e transformação digital. 

“Atualmente, a adoção de IA no setor é mais comum em países desenvolvidos, onde há mais recursos disponíveis para investimentos em tecnologia. Porém, mesmo em países em desenvolvimento, os produtores de gado estão começando a entender o potencial da IA para melhorar a eficiência e a produtividade da atividade pecuária. Aos poucos, percebemos a tecnologia fazendo parte das dinâmicas da fazenda”, explicou o executivo. 

Através da Inteligência Artificial, produtores podem monitorar a saúde e o comportamento do gado, incluindo a detecção de doenças, problemas de reprodução e estresse. Isso é feito através de sensores, como coleiras inteligentes e câmeras, que coletam dados sobre o comportamento do animal. Além disso, pode contribuir para oferecer uma alimentação mais precisa, com base em suas necessidades individuais.

As infestações de pragas, como moscas, carrapatos e vermes, que podem afetar a saúde dos animais, também podem ser controladas de maneira simples. Os sensores inteligentes detectam a presença dos seres e sistemas automatizados  aplicam pesticidas de forma precisa.

“De maneira geral, a IA pode analisar grandes quantidades de dados relacionados à produção de gado, como nutrição, reprodução, saúde e desempenho. Com isso, é possível identificar padrões e tendências que ajudam a otimizar a produção.Grande exemplo disso é em relação à melhoria da genética. Os produtores podem identificar os animais com as melhores características para a reprodução, por meio da análise de dados genéticos e do uso de algoritmos de aprendizado de máquina”, explicou Vinícius. 

Novidades e aportes tecnológicos para a pecuária

De acordo com o CEO da MadeinWeb, há várias novidades e aportes tecnológicos que estão impactando a pecuária e trazendo benefícios significativos para o setor. A Internet das coisas (IoT) é uma delas. 

A IoT permite que os produtores de gado coletem dados em tempo real sobre a saúde e o comportamento dos animais, por meio de sensores inteligentes e dispositivos conectados. Isso permite um monitoramento mais preciso e eficiente, facilitando a detecção de problemas e melhorando a tomada de decisão.

Já a robótica tem um papel importante, pois permite a automação de tarefas repetitivas e perigosas, como a limpeza dos estábulos e o transporte de alimentos, reduzindo tempo e o custo da mão de obra, além de melhorar a segurança dos trabalhadores.

Por fim, o blockchain, tecnologia que permite a criação de registros digitais seguros e descentralizados, permite a rastreabilidade do produto final, garantindo a segurança alimentar e aumentando a confiança do consumidor.

Tendências para o setor

Melhoria da produtividade, redução de custos, melhoria da qualidade do produto, redução do impacto ambiental e melhoria da segurança alimentar são só algumas das vantagens do uso da Inteligência Artificial na pecuária. Mas mesmo com benefícios evidentes, há grandes desafios a serem superados antes da adoção em larga escala, muito disso reflexo da falta de mão de obra especializada, altos custos de implementação e a complexidade de algumas tecnologias. 

“No entanto, a tendência é que a adoção de IA na pecuária continue a crescer nos próximos anos, à medida que a tecnologia se torne mais acessível e a conscientização sobre seus benefícios se espalhe. Os produtores de gado que adotam essas tecnologias podem ter uma vantagem competitiva no mercado, oferecendo produtos de alta qualidade e mais sustentáveis”, concluiu Vinícius. 

Sobre a MadeinWeb

A MadeinWeb é uma provedora de serviços de TI com escritórios no Brasil, Estados Unidos e Portugal, com mais de 20 anos de atuação no setor de tecnologia. Como parceira de grandes empresas, a Made possui a capacidade de entregar projetos sob medida para os seus clientes, ajudando na inovação tecnológica. 

A empresa possui squads dedicados para realizar projetos, usando a inteligência artificial voltada para negócios. Também oferece consultoria corporativa e utiliza a nuvem para garantir escalabilidade em cada processo de implementação tecnológica e cibersegurança, com serviços que ajudam a expor potenciais lacunas ou ameaças.

ARTIGOS RELACIONADOS

Inteligência artificial ajuda a colher na hora certa

Projeto da startup Adroit Robotics com apoio da Fapesp utilizará a tecnologia Leafsense, já empregada na citricultura, para a detecção do estágio de maturação de frutos, produtividade e pragas utilizando sensores de altíssima resolução, visão computacional e inteligência artificial

Arc™ farm intelligence avança no monitoramento de cigarrinha do milho

Tecnologia fornece dados, informações e suporte para tomadas de decisões para proteção da lavoura.

Fazenda de cítricos é a primeira no mundo 100% monitorada por sensores inteligentes

Propriedade no Brasil utiliza tecnologia desenvolvida pela startup Adroit Robotics, que avalia milhões de frutos um a um, analisa condições das árvores, faz estimativas de safra e detecta pragas e doenças

Fungicidas protetores movimenta R$ 2,1 bilhões

O estudo BIP – Business Inteligence Panel Soja, da Spark Inteligência Estratégica, recém-concluído ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!