Limpeza do sistema hidropônico

0
151

Rafael Campagnol rafcampagnol@hotmail.com

Glaucio da Cruz Genuncio glauciogenuncio@gmail.com

Elisamara Caldeira do Nascimento elisamara.caldeira@gmail.com

Doutores e professores – Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT)

Cultivo protegido – Crédito: Glaucio Genuncio

Dentre os principais benefícios proporcionados pelo cultivo de plantas em sistemas hidropônicos, a menor incidência e/ou interferência de doenças nos cultivos é um dos mais apontados por muitos pesquisadores, profissionais da área e produtores.

Na realidade, de maneira geral, isso é verdadeiro, uma vez que na hidroponia as plantas não são cultivadas no solo (que pode ser fonte de contaminação) e ao uso de estufas agrícolas para a proteção contra chuvas, o que reduz ou até mesmo evita o molhamento das plantas, condição necessária para ocorrência de muitas doenças, especialmente as bacterianas e fúngicas.

Entretanto, mesmo nessas condições, as plantas ainda estão sujeitas a diversas doenças. No caso do cultivo hidropônico NFT (Nutrient Film Technique), onde a solução nutritiva, fonte de água e nutrientes paras as plantas, é recirculante (após passar pelas plantas, essa solução é coletada e aplicada novamente para todas as plantas do sistema), doenças radiculares podem se tornar um sério problema aos produtores, principalmente quando o sistema não é bem manejado e limpo.

O começo

Antes de falamos sobre os procedimentos para a limpeza adequada do sistema hidropônico, precisamos entender como uma determinada doença aparece ali e como evitar que isso ocorra.

As principais formas de entrada de patógenos nos sistemas hidropônicos são pelas sementes, substratos ou mudas contaminadas; pela água utilizada nos cultivos; insumos, como ferramentas de poda e caixas de colheita; e pelas pessoas que trabalham ou visitam a hidroponia, que carregam patógenos em suas roupas e calçados.

Muitos patógenos incidentes em culturas ou em plantas daninhas próximas à estufa também podem ser carregados para dentro do sistema hidropônico pelo vento.

Uma vez presente no ambiente de cultivo, uma determinada doença poderá incidir sobre o cultivo e causar danos econômicos, quando este for suscetível e as condições ambientais forem favoráveis ao desenvolvimento do patógeno.

Em sistemas hidropônicos, por mais que o ambiente de cultivo seja desfavorável à ocorrência de muitas doenças, algumas outras, como por exemplo Pectobacterium spp., Pythium spp., Rhizoctonia solani, Sclerotinia sclerotiorum, Bremia lactucae, Cercospora longissima e Septoria lactucae podem encontrar condições muito favoráveis à sua infecção, disseminação e sobrevivência.

Problema x solução

Para ler o restante deste artigo você tem que estar logado. Se você já tem uma conta, digite seu nome de usuário e senha. Se ainda não tem uma conta, cadastre-se e aguarde a liberação do seu acesso.