21.6 C
Uberlândia
segunda-feira, junho 24, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioMáquinasMaquinário agrícola não precisará de licenciamento e emplacamento

Maquinário agrícola não precisará de licenciamento e emplacamento

Crédito Agrale
Crédito Agrale

Proprietários de tratores e demais aparelhos automotores destinados a puxar ou a arrastar maquinaria agrícola ou a executar trabalhos agrícolas não estarão mais obrigados a fazer o licenciamento e o emplacamento dos veículos. Esses tratores ficarão sujeitos apenas ao registro único no órgão de trânsito estadual.

Segundo a ministra Kátia Abreu, os principais motivos para a decisão tomada pela presidente Dilma Rousseff são a redução de custos, de procedimentos burocráticos, contribuindo, assim, para a competitividade do agronegócio brasileiro. “A lei deve ser formulada de acordo com a realidade do país. A grande maioria das máquinas agrícola, sequer saem da propriedade“, afirmou a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, sobre a medida.

A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (01), por meio da Medida Provisória nº 673, de 31 de março de 2015, sancionada pela presidenta Dilma Rousseff, que altera o Artigo 115 do Código Brasileiro de Trânsito (CBT). O documento é assinado pelos ministros Kátia Abreu (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Patrus Ananias (Desenvolvimento Agrário), Gilberto Kassab (Cidades) e José Eduardo Cardozo (Justiça).

Nova redação do CBT

Segundo a MP, a dispensa de emplacamento e licenciamento vale apenas para o maquinário agrícola que for produzido a partir do dia 1º de janeiro de 2016. A obrigatoriedade do emplacamento para todo o maquinário agrícola, que deveria entrar em vigor em dezembro de 2014, já havia sido adiada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por dois anos ” em janeiro de 2017 ” a fim de que os proprietários dos veículos pudessem se adequar às novas regras.

De acordo com a nova redação do texto, apenas os aparelhos automotores destinados a puxar ou a arrastar maquinaria de qualquer natureza ou a executar trabalhos de construção ou de pavimentação que transitarem em via pública, estarão sujeitos a registro e licenciamento.

ARTIGOS RELACIONADOS

VII Simposio Internacional de Fruticultura Temperada em Regiao SubTropical acontece de 21 a 23 de setembro

A produção de frutas vem ganhando cada vez mais qualidade e com isso os recordes de frutas exportadas se tornaram freqüentes, movimentando milhões de...

Pulsfog leva soluções para o Três Lagoas Florestal

Esta será a terceira participação da Pulsfog no evento Três Lagoas Florestal. Para João Luiz de Oliveira, engenheiro agrônomo e gerente comercial, “a importância...

Manejo da adubação nitrogenada via fertirrigação em cafeeiros

A aplicação de fertilizantes via irrigação é conhecida como fertirrigação, uma prática já há muitos anos utilizada pelos produtores, consagrada pelos seus benefícios às lavouras, como redução dos custos de aplicação dos nutrientes, aproveitando-se da estrutura de irrigação para, junto com a água, fornecer os nutrientes necessários às plantas; independência de chuvas para aplicação dos fertilizantes, uma vez que os mesmos são dissolvidos em água no processo; rápida incorporação ao solo, inibindo perdas, além da possibilidade de maior parcelamento das adubações, conseguindo sincronizar de forma mais eficiente a quantidade fornecida com os períodos de maior demanda pela planta.

Locação de máquinas pode gerar economia de até 15%

A locação de máquinas para atuação no segmento florestal pode ser uma opção mais econômica, se comparada aos custos de aquisição e manutenção de um equipamento desse tipo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!