21.6 C
Uberlândia
quinta-feira, fevereiro 22, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesNovo inseticida de ponta para controle da cigarrinha-do-milho e outras pragas

Novo inseticida de ponta para controle da cigarrinha-do-milho e outras pragas

Divulgação

Praga que tem exercido mais pressão a cada safra de milho, sobretudo na safrinha ou segunda safra, a cigarrinha-do-milho é alvo do lançamento do inseticida Krypto®, da Albaugh. Conforme a companhia, a nova solução já está disponível para aplicação e também controla, com eficácia, lagartas e percevejos que infestam as lavouras, entre estes o potencialmente danoso percevejo-barriga-verde.

De acordo com a Albaugh, os diferenciais do inseticida são atribuídos principalmente à formulação, que, segundo a empresa, foi desenvolvida para as condições da agricultura brasileira. “Trata-se de um produto inovador, que entrega ao produtor alto nível de controle da cigarrinha-do-milho”, resume Daniel D’Andrea, engenheiro agrônomo, diretor de marketing e desenvolvimento da Albaugh.

Especialistas assinalam que a cigarrinha-do-milho (Daubulus maidis) atua como praga transmissora de doenças economicamente relevantes, como enfezamento pálido, enfezamento vermelho e virose do raiado fino. Sua ação, afirmam consultores, ocasiona o surgimento de espigas improdutivas e de tamanho inferior ao normal, principalmente em virtude da redução da absorção de nutrientes pelas plantas. Conforme pesquisadores, a Daubulus maidis pode gerar danos que acarretam a perda total da lavoura.

Entre os diferenciais do novo Krypto®, a Albaugh relaciona o “poderoso efeito de choque” do inseticida frente à cigarrinha-do-milho, “com alta eficácia contra ninfas e adultos”. Krypto®, continua a empresa, “conta com dois modos de ação que controlam as principais pragas do milho em conjunto”. Conforme a companhia, o inseticida constitui uma alternativa moderna, com formulação líquida e sem mau-cheiro, na comparação ao tradicional acefato.

Albaugh está presente no Brasil com sua matriz na capital paulista e 13 regionais de vendas. A empresa produz e comercializa mais de 50 agroquímicos adequados às principais culturas agrícolas, como soja, milho, algodão, citros, café, cana-de-açúcar, trigo e feijão, entre outros.

ARTIGOS RELACIONADOS

Percevejos fitófagos: danos à cultura da soja

As espécies consideradas mais nocivas à soja em um artigo da Campo & Negócios.

Mercado exige híbridos de milho de alta qualidade

Se fizermos uma busca recente aos dados de produção sobre as principais culturas agrícolas ...

Milho safrinha

O cultivo de grãos é um dos setores mais importantes da economia brasileira.

Estiagem pode ter trégua no Centro-Oeste e MAPITOBAPA

Chuvas esperadas trazem alívio à estiagem prolongada na região do Centro-Oeste.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!