27.9 C
Uberlândia
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosGrãosNovo satélite avança agricultura de precisão

Novo satélite avança agricultura de precisão

O satélite Ingenio, que será lançado pela Agência Espacial Europeia (ESA), oferecerá imagens de alta resolução que poderão representar avanços significativos na agricultura de precisão. Isso acontece porque o novo satélite permitirá que se trabalhe em parcelas menores e tem um curto tempo de revisitação, que é de cerca de dois dias.

De acordo com os desenvolvedores, o instrumento terá duas câmeras e será capaz de adquirir imagens da Terra em alta resolução, de cerca de 2,5 milhões de quilômetros quadrados por dia. Monica Lopez, cientista do Centro para o Desenvolvimento Tecnológico Industrial (CDTI), explicou que cada câmera possui uma resolução de 2,5 metros para o canal panchromatic e 10 metros para os canais multiespectrais, proporcionando uma largura de imagem de 55 km.

“Estas características significam que o satélite tem uma resolução melhor, você pode discriminar mais no terreno e trabalhar em parcelas menores. Um avanço para que a agricultura de precisão não atinja apenas grandes fazendas“, comenta.

Segundo Lopez, as imagens do Ingenio poderão auxiliar a agricultura na detecção de técnicas agrícolas mais adequadas para a área, o monitoramento de colheitas, além de ajudar no desenvolvimento de novas tecnologias.

Essa matéria você encontra na edição de agosto de 2018 da Revista Campo & Negócios Grãos. Adquira o seu exemplar.

Ou assine

ARTIGOS RELACIONADOS

Fertilizantes com biopromotores aumentam a produção de alface hidropônica

  Elisamara Caldeira do Nascimento Talita de Santana Matos Doutoras em agronomia " UFRRJ Glaucio da Cruz Genuncio Professor adjunto de Fruticultura "UFMT glauciogenuncio@gmail.com O cultivo hidropônico de plantas no Brasil...

Podridão parda – Alerta geral para pessegueiros

Givago Coutinho Doutor em Fruticultura e professor efetivo do Centro Universitário de Goiatuba (UniCerrado) givago_agro@hotmail.com Herick Fernando de Jesus Silva Engenheiro Agrônomo e doutorando em Fitotecnia "...

Tratos culturais – As recomendações para a atemoia

A principal vantagem dos híbridos de atemoia é a capacidade de serem cultivados em áreas mais amplas que seus genitores individualmente, uma vez que possuem maior adaptabilidade às condições climáticas de determinada região. Por exemplo, a cultivar Gefner se adapta bem em regiões mais quentes, por outro lado, a cultivar Thompson pode ser explorada em áreas de clima mais ameno.

Eficiência do controle biológico no MIP

  José Salazar Zanuncio Junior Doutor em Entomologia e pesquisador do Incaper jjzanuncio@yahoo.com.br Várias pragas podem atacar a cultura do repolho, sendo que a mais prejudicial é a...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!