25.6 C
Uberlândia
terça-feira, junho 18, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioNotíciasPré-emergentes garantem a máxima produtividade dos canaviais

Pré-emergentes garantem a máxima produtividade dos canaviais

Divulgação

Os investimentos dos agricultores brasileiros em tecnologias fitossanitárias se refletem no avanço constante da produtividade na cultura da cana-de-açúcar no país. Em pleno período de colheita, a estimativa para esta safra, divulgada pela Conab no último dia 19 de agosto, revela ganho de 1,6% na média nacional no rendimento dos canaviais, compensando a redução de 2,6% na área de plantio, quanto os efeitos climáticos adversos que afetaram as regiões produtoras nos dois últimos ciclos (2020/21 e 2021/22), com recuo final de apenas 1% no total produzido no país.

A utilização de pré-emergentes sempre demonstrou bons resultados entre as estratégias adotadas pelos agricultores, já que, além de eliminar os principais detratores de produtividade, essa tecnologia de manejo ajuda na manutenção das áreas de cultivo, reduzindo o banco de sementes de daninhas e minimizando as perdas durante a safra.

No portfólio da IHARA, empresa de pesquisa e desenvolvimento especializada em defensivos agrícolas, o RITMO, herbicida exclusivo para cana-de-açúcar voltado ao controle das daninhas que podem trazer dor-de-cabeça para o agricultor, aparece como principal aliado na batalha contra as gramíneas e folhas largas. A tecnologia apresentada pelo RITMO faz dele um diferencial no mercado, justamente pela atuação no controle simultâneo destas duas ameaças, em um único produto.

De acordo com Thiago Duarte, gerente de Marketing Regional da IHARA, este herbicida oferece o melhor custo-benefício ao produtor, principalmente se fatores mais amplos também forem levados em consideração. “RITMO oferece controle para um amplo espectro de daninhas com seletividade, não comprometendo a produtividade do canavial. A versatilidade do produto possibilita combater duas frentes com uma só solução, além de possuir longo residual.

Exclusividade para o canavial

Fruto de intenso trabalho de pesquisa, com base em tecnologia japonesa, RITMO é desenvolvido exclusivamente para cana-de-açúcar. Possui boa distribuição, fácil manuseio e longo residual, garantindo a proteção por mais tempo. Entre os alvos principais se destacam as gramíneas e folhas largas. Por estarem presentes em todos os canaviais, quando não há controle adequado, tanto a devastação causada pelas plantas daninhas quanto a infestação delas no canavial, pode comprometer a produtividade, principalmente porque a germinação continua mesmo após o canavial já estar desenvolvido.

Duarte destaca ainda que, independentemente dos fatores climáticos, o manejo adequado, visando o combate às daninhas deve ser prioridade. Com Ritmo, mesmo com a variação climática, seu alto residual garante uma proteção prolongada”, detalha.

ARTIGOS RELACIONADOS

Produção de açúcar deve cair 4.7% no ano

Estimativas dos analistas sugerem produção de açúcar na primeira quinzena de julho de 2,84 milhões de toneladas no Centro-Sul do Brasil

Controle de antracnose em manga

Causada por fungos do gênero Colletotrichum, a antracnose é a principal doença a nível ...

Brasil terá o primeiro açúcar mascavo rastreado com tecnologia blockchain

Cada lote levará informações como: data de produção, variedade de cana utilizada e a identificação e geolocalização da propriedade rural que forneceu a matéria-prima, além da análise microbiológica e parâmetros físicos e químicos daquele açúcar, como teor de sacarose, umidade e cor.

Tratamento abrange principais pragas, doenças e bioestimula o tomateiro

Estratégia ancorada em amplo portfólio destaca companhia de origem ítalo-japonesa como uma referência no país em tecnologias para hortifrútis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!