28 C
Uberlândia
terça-feira, junho 25, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioDestaquesProdutor pode adquirir máquina agrícola com pagamento diluído em dez safras

Produtor pode adquirir máquina agrícola com pagamento diluído em dez safras

Foto: Rural Press

No planejamento operacional e financeiro de toda propriedade rural, a aquisição e renovação do maquinário agrícola é sempre um dos aspectos de maior investimento. Um custo alto, mas necessário para o aumento de produção e a redução de perdas. Por ser praticamente indispensável, essa compra precisa ser definida a partir das melhores opções disponíveis de financiamento. Hoje, já é possível fechar negócios que são facilitados em termos de contratação e quitação.

A AgroPermuta, fintech agrícola que oferece soluções inovadoras de crédito como uma alternativa aos bancos, tem em seu portfólio o Fincap – Financiamento Capitalizado. Com ele, o produtor pode adquirir máquinas e implementos agrícolas ou veículos para a fazenda. A maior vantagem está em ser uma experiência 100% digital, com parcelas fixas semestrais, que podem ser pagas em 60 meses (dez safras), além da garantia vinculada apenas à CPR-F de grãos.

Rui Almeida, diretor comercial da empresa, explica que o Fincap foi pensado para o produtor, por isso a possibilidade de quitação nesse modelo. “Fazenda não é como uma empresa tradicional, então oferecemos uma forma de financiamento em que o agricultor pode pagar na venda da safra ou safrinha que é quando ele tem mais caixa”, destaca. Os créditos disponíveis para cada cliente chegam a R$ 1 milhão.

Vantagens em relação ao consórcio

Consórcios tradicionais também são uma alternativa para contratar cartas de crédito, no entanto, essa é uma modalidade atrelada ao produto final, seja um trator, uma colheitadeira ou outro. Além disso, as parcelas sofrem reajustes conforme o valor do bem no mercado, pois estão fixadas a índices financeiros, seja IPCA ou IGPM. “Nos últimos dois anos, o valor de máquinas disparou devido à escassez de componentes, é um aumento natural que provoca reajuste nas cartas de crédito comuns”, exemplifica o executivo.

Já o Fincap, além de ser uma carta de crédito unipessoal com garantia de contemplação, tem parcelas fixas e não sofre reajustes. Ao longo do período de financiamento, de 60 meses, o juro chega ao redor de 6% ao ano. “Elimina-se toda a parte de incerteza do consórcio, do grupo com outros consorciados, e não tem reajuste porque não está ligado a nenhum bem”, completa Almeida.

Mais detalhes

Para dar início à contratação, basta entrar em contato com a fintech e fazer a simulação de parcelas conforme o crédito que necessita. Em seguida, assinar dois documentos digitalmente e dar uma entrada de 3% do valor contratado.

O crédito é liberado a partir do pagamento das primeiras cinco parcelas semestrais. Todo o processo é simples e rápido, sem burocracia. “É uma esteira de crédito robusta e automatizada, onde a experiência do usuário é 100% digital, ele não precisa se preocupar com nada, como pesquisa cartorial, garantias”, finaliza Almeida.

ARTIGOS RELACIONADOS

Produtor poderá adquirir bens de forma facilitada

Com o Fast Máquina, novo produto da fintech agrícola Agropermuta, é possível comprar maquinário agrícola e linha amarela para diversas culturas

Análises laboratoriais têm importância vital para a agricultura

As análises laboratoriais de solo envolvem a coleta e posterior análise de amostras representativas das áreas de cultivo.

Operações de barter: a revolução do Agro

No agronegócio, uma modalidade de financiamento de insumos que vem se destacando como uma importante estratégia de financiamento de custeio da safra, são as operações de barter.

Safras com uso de pivôs

A fazenda Cabeceira 5, situada em Ipiranga do Norte, município de pouco mais de 6 mil habitantes ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!