26.6 C
Uberlândia
quarta-feira, abril 17, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosSementes híbridas F1 X Sementes OP

Sementes híbridas F1 X Sementes OP

F1 são os híbridos enquanto sementes OP são obtidas por livre polinização.

Carlos Herbach
Gerente de Área das Américas – Yuksel Seeds

Cristiane Nucci
Gerente administrativa e logística – Yuksel Seeds

Fotos: Yuksel

As sementes híbridas são criadas por meio do cruzamento de duas plantas com determinadas características desejadas. Seus descendentes de primeira geração, todos com as mesmas características almejadas, são chamados de híbridos F1.

As sementes OP, de polinização aberta, como o próprio nome sugere, são obtidas por livre polinização entre um grupo de indivíduos da mesma linhagem, a chamada seleção natural.

Variedades híbridas geram plantas homogêneas, porém, as sementes, se colhidas e plantadas, geralmente não apresentam as mesmas características desejáveis da variedade inicial.

Variedades OP resultam em plantas heterogêneas e as sementes colhidas podem ser utilizadas no próximo plantio, já que expressam características similares à variedade plantada inicialmente.

Sementes híbridas F1 = primeira geração filial

Sementes OP = Open Pollination – polinização aberta

A evolução das sementes

Cenouras OP

Antes dos anos 80, os plantios eram, predominantemente, de materiais OP. A partir da década de então, deu-se um crescimento sustentado da utilização de materiais híbridos.

Essa mudança foi impulsionada pela necessidade de enfrentar desafios, como o aumento populacional, diminuição da terra cultivável e maior demanda por alimentos. Os híbridos surgiram como uma resposta eficiente, proporcionando maior rendimento, menos perdas e maior disponibilidade de alimentos.

Variedades OP requerem menos tecnologia no cultivo, portanto, menos investimento financeiro. E por que será, então, que mesmo custando mais caro, o cultivo de materiais híbridos só cresce?

A resposta

São muitas as vantagens que justificam a substituição da utilização de sementes OP por sementes híbridas:

Desempenho superior: a uniformidade na planta resulta em colheitas mais previsíveis e produtivas.

Pepinos Híbridos

Resistência a doenças: o cruzamento controlado permite incorporar resistência genética a doenças e pragas, aumentando a robustez das plantas.

Estabilidade ao longo do tempo: enquanto as variedades OP, em função da falta de controle na polinização, podem apresentar variações, os híbridos F1 garantem estabilidade, geração após geração.

É importante esclarecer e ressaltar que híbridos nada têm a ver com transgenia. Híbridos não são materiais geneticamente modificados.

Sobre a Yuksel

A Yuksel Seeds, uma empresa global sediada na Turquia, há mais de 30 anos vem realizando um sério trabalho de pesquisa e desenvolvimento genético, produzindo as melhores sementes de hortaliças e exportando-as para mais de 80 países.

Disponibiliza, atualmente, uma enorme variedade de sementes híbridas para oferecer ao mercado brasileiro, garantindo aos produtores, plantas fortes, uniformes e saudáveis. Os híbridos Yuksel são sinônimos de qualidade e produtividade no campo.

ARTIGOS RELACIONADOS

Novo ciclo no tratamento de sementes

A maioria das culturas agronômicas de grande importância econômica são propagadas por sementes, dessa forma o uso de sementes de qualidade é essencial para o sucesso da agricultura.

Tratamento de sementes industrial

A Corteva Agriscience realizou, nos últimos dias, o Fórum Multiplicadores 2021 ...

SIMTEC reúne personalidades do agro brasileiro

Simpósio Técnico digital da KWS Sementes promete novidades e muitas inovações para o Agro

Supersafra de grãos vem aí!

Foi estimada uma super safra neste ano de 2021. Serão mais de 273 milhões de toneladas ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!