19.6 C
Uberlândia
quinta-feira, junho 20, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosFlorestasSerimac - Versatilidade no plantio de florestas

Serimac – Versatilidade no plantio de florestas

OLYMPUS DIGITAL CAMERA A Serimac é um produto inovador no mercado atual para o setor agropecuário, especialmente para o plantio de mudas. O implemento faz a abertura das covas e coroamento para o plantio.

Entre suas vantagens está a substituição do serviço braçal pelo mecanizado, reduzindo os gastos com mão de obra e, consequentemente, o custo total de plantio, buscando aumento da produção.

A Serimac tem expertise no plantio de seringueiras, laranjas, reflorestamento e outras árvores frutíferas. A máquina faz o furo e a coroa para ser plantada a árvore, com capacidade para até 380 pés por hora.

Possui, ainda, um inovador sistema de perfuração de solo, com seu sistema desenvolvido para perfurar e fazer as duas coroas em volta da muda, sendo uma interna menor para o reservatório de água, e uma maior para o mesmo processo. É a única máquina que faz esse sistema de plantio de seringueira, laranjas, coqueiros, teca, reflorestamento e muitas outras árvores frutíferas.

A máquina conta com um perfurador que contém ajustes de altura nos discos, de forma a possibilitar seu uso em qualquer tipo de solo, atendendo as várias profundidades de plantio.

É um equipamento acoplável ao terceiro ponto do trator que, acionado, realiza a abertura mecânica de covas em geral. A rotação geral do equipamento é de 700 a 1.200 RPM, sendo que sua broca tem de quatro a nove polegadas. A coroa interna tem aproximadamente 70 cm, a externa 145 cm, e seu reservatório de água da coroa interna de 20 a 35 litros. A Serimac trabalha com a abertura da cova de 0,30 até 0,60 cm de média, podendo aprofundar ainda mais, se necessário.

Com essa tecnologia o produtor rural poderá contar com mais rapidez e agilidade em seu plantio, seja ele de seringueira ou reflorestamento, economizando tempo e dinheiro na implantação dos projetos, seja ele de seringueira ou nas áreas de áreas de preservação permanente (APP).

Essa matéria você encontra na edição de abril/maio da revista Campo & Negócios Floresta. Adquira a sua.

ARTIGOS RELACIONADOS

Silício no controle de nematoides em sistemas ILPF

Autores Rodrigo Vieira da Silva Engenheiro agrônomo e doutor em Fitopatologia e professor do IF Goiano – campus Morrinhos rodrigo.silva@ifgoiano.edu.br Eliseu de Sousa liseusousask8@gmail.com...

Aplicação de biológicos no sulco de plantio

Os produtos agrícolas à base de ingredientes ativos naturais em sua composição, também ...

Azud – Sistemas de filtragem e irrigação

  A Azud participou novamente da FIIB, desta vez para se aproximar ainda mais das evoluções tecnológicas voltadas para a agricultura. “O evento não é...

Algas reduzem estresse na melancia

  Eduardo Suguino Pesquisador científico da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) Polo Centro Leste, Ribeirão Preto (SP) e-mail: esuguino@apta.sp.gov.br Não existem muitos trabalhos com resultados disponíveis sobre...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!