28.6 C
Uberlândia
quinta-feira, abril 18, 2024
- Publicidade -
InícioEventosTecnoshow Comigo: 20 anos de incentivo ao crescimento do Agro

Tecnoshow Comigo: 20 anos de incentivo ao crescimento do Agro

De 27 a 31 de março, em Rio Verde (GO), o evento deve receber 130 mil pessoas e com volume de negócios na ordem de 10 bilhões. 650 expositores vão apresentar novidades em produtos e serviços

Crédito: Divulgação

Novidades em máquinas, implementos, insumos, pecuária e demais produtos agropecuários, além de soluções e difusão de conhecimento para o campo integram a vitrine tecnológica da Tecnoshow Comigo 2023. Neste ano, 650 empresas e instituições de diferentes segmentos já estão confirmadas para a feira, que será realizada de 27 a 31 de março, no Centro Tecnológico COMIGO, em Rio Verde (GO).

A expectativa da Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano (COMIGO) – organizadora do evento – é que mais de 130 mil pessoas visitem a feira em busca de informação, tecnologia, inovação e negócios voltados para o campo. O volume de negócios deve superar 10 bilhões.

 Em uma área de 65 hectares, esses expositores vão levar inovações ao produtor e demais públicos, possibilitando aos visitantes a oportunidade de realização de negócios e a participação em uma extensa programação nos cinco dias de evento.

De 2002, quando o evento teve início e contou com a participação de 50 expositores, para a edição deste ano, o número de empresas e entidades presentes na feira aumentou 1.200%. “Ao longo de seus 20 anos, a Tecnoshow Comigo cresceu ano após ano com uma organização impecável da COMIGO (Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano). Planejamento e determinação foram palavras que andaram juntas o tempo todo”, enfatiza a coordenadora de comercialização da feira, Mariluce Siqueira.

 “Em 2023, estamos com excelentes expectativas, com expositores tradicionais que apresentarão suas novidades e também com novos, para incrementar ainda mais o evento. Desejamos que os números sejam superados. Sempre com este pensamento positivo de que o agro não para”, destaca.

O presidente da COMIGO, Antonio Chavaglia, comemora a realização da edição especial da Tecnoshow Comigo, que celebra 20 anos, em 2023, destacando que a feira teve e tem grande relevância na história do desenvolvimento do agro brasileiro. “Ao trazer o que há de mais moderno para a produção rural, os principais assuntos que permeiam o setor e disponibilizar isso ao alcance do produtor, a Tecnoshow cumpre papel de protagonista no fortalecimento do segmento, que é a mola propulsora da economia do País”, salienta.

“Em todos estes anos, tivemos um crescimento exponencial na participação de público, expositores e nos números de comercialização durante a feira. São investimentos dos nossos produtores que proporcionam os incrementos fantásticos em produção e produtividade no campo”, destaca o presidente da Cooperativa.

Importância comercial

Além de ser espaço para ampliar conhecimento e proporcionar inovações em tecnologias, a Tecnoshow Comigo evoluiu fortemente na área comercial, o que pode ser confirmado pelo aumento na quantidade de expositores e também em volume de negócios – na última edição, a feira registrou R$ 10,6 bilhões em comercialização. O foco é atender às demandas do setor, levando o que há de novo no mercado para ampliar produção e produtividade no campo.

Mariluce diz que os expositores se surpreenderam positivamente com o crescimento do evento ao longo dos anos. “Nossa feira combina muito bem o lado institucional e informativo, com os negócios, a cada ano, ela cresce e os números provam isso. A visibilidade e o potencial de negócios despertam o interesse de empresas dos mais variados setores do agronegócio, que sempre nos procuram querendo fazer parte da feira”, comenta.

Difusão de tecnologia

Com a proposta de auxiliar o produtor rural, a COMIGO iniciou, em 2002, o trabalho de geração e difusão de tecnologias agropecuárias, em Rio Verde, numa área que hoje ultrapassa 170 hectares (área total do CTC). Neste local, a cooperativa promove experiências tecnológicas o ano todo, em parceria com diversas instituições de pesquisa, de ensino e outras empresas, e realiza a Tecnoshow. A diversidade é uma marca registrada do evento. São máquinas e equipamentos agropecuários, plots agrícolas, animais das mais variadas espécies, palestras técnicas e econômicas, ações socioambientais e dinâmicas de pecuária, entre outros produtos e serviços. Trata-se de uma extensa vitrine de tecnologias para o homem do campo, seja pequeno, médio ou grande produtor.

Entre várias palestras, o tema manejo fisiológico e nutricional da soja é alternativa segura para alta produtividade em campo será discutido pelo ex-professor e pesquisador da Esalq/USP, Dr. Antonio Luiz Fancelli.

De acordo com ele, durante a apresentação serão expostos, demonstrados e discutidos a importância do conhecimento do processo produtivo e da capacidade de elaborar diagnósticos em tempo real (ajustes de percurso), assim como do manejo dos fatores básicos de produção e de suas interações, de forma a se evitar ou minimizar condições de estresse, contribuindo, desta maneira, para a melhoria do desempenho e da produtividade vegetal. “Este conceito de manejo possibilita o aproveitamento efetivo dos fatores de produção e considera suas respectivas interações, bem como propicia a manifestação do potencial produtivo da espécie considerada”.

Em relação aos avanços nessa área nos últimos anos, ele destaca a  participação de alguns nutrientes, como o Magnésio e o Selênio, na redução do estresse foto-oxidativo; o papel de biorreguladores na mudança do porte e da arquitetura da planta; estratégias para a produção de enzimas destruidoras de radicais livres; uso de nitrogênio foliar no enchimento de grãos; a participação dos microrganismos do solo no aumento da disponibilidade de nutrientes e na defesa de plantas; o uso de filtros solares na redução da temperatura da  folha; entre outros.

Sucessão familiar

 Pesquisa da KPMG e IBGC revela que 54% dos entrevistados acreditam que o plano de sucessão é o maior desafio para os negócios no agro. Tema será discutido na Tecnoshow Comigo por meio da experiência da família Nishimura, responsável pela criação da Jacto.
             O assunto será discutido por Alessandra Nishimura e Fábio Nishimura que vão falar
que as estatísticas mostram que apenas um pequeno percentual de famílias empresárias consegue ter continuidade após a terceira geração.

  O maior desafio da sucessão familiar é acertar o lado emocional dos relacionamentos. “Muitas vezes usa-se apenas a razão: ‘tudo o que construí foi para vocês’. Mas nem sempre perguntam à próxima geração se eles tinham interesse no que foi construído. Esse tipo de comunicação tem de ser muito bem feito para que haja equilíbrio nas emoções”, pondera Fábio Nishimura.

ARTIGOS RELACIONADOS

Evento gratuito vai discutir os desafios do crédito para o agronegócio

O evento será realizado no dia 19 de outubro, às 19 horas, de maneira virtual e será ministrado por Bernardo Fabiani

Vinhos desenvolvidos na EPAMIG recebem medalhas de ouro em concurso

O Wines of Brazil Awards 2022 premiou quatro rótulos elaborados na Vinícola Experimental da Empresa.

Fundação MT realiza nos dias 24 e 25 de novembro, de forma online, o III Encontro Técnico Milho

Evento da Fundação MT, que acontece nos dias 24 e 25 de novembro, já tem inscrições abertas. Entre os temas abordados estão: enfezamento, cigarrinha, mercado, manejo para alta produtividade e híbridos

Coopavel 2024 já tem data marcada

O parque de 720 mil metros quadrados recebe o Show Rural Coopavel, no período de 05 a 09 de fevereiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!