27.7 C
Uberlândia
segunda-feira, abril 22, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesTermotécnica completa 10 anos do seu Relatório de Sustentabilidade

Termotécnica completa 10 anos do seu Relatório de Sustentabilidade

Responsável pela reciclagem de EPS/Isopor* pós-consumo equivalente a área de mais de 10 estádios do Maracanã, companhia lança 7ª edição do seu RS no Dia Mundial da Reciclagem (17 de maio)

Nesta sétima edição, a Termotécnica completa 10 anos do Relatório de Susten­tabilidade (www.termotecnica.ind.br/sustentabilidade) e também da criação do Comitê de Sustentabilidade formado por profissionais de diversas áreas da empresa. Para o reporte das ações relativas ao biênio 2021/2022, a Termotécnica segue os GRI (Global Reporting Initiative) Standards, o Pacto Global das Nações Unidas e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). “Por meio deste documento, elaborado a cada dois anos e de acordo com as diretrizes globais do GRI, apresentamos aos stakeholders a estratégia ESG Termotécnica e registramos nossos compromissos em relação aos aspectos de governança, social e ambiental”, afirma o presidente da Termotécnica, Albano Schmidt.

Capa do relatório
Créditos: Divulgação

Uma das maiores indústrias transformadoras de embalagens de EPS (mais conhecido como isopor*) da América Latina e líder no mercado brasileiro, a Termotécnica tem 6 unidades em 5 estados brasileiros. Conta com aproximadamente 150 marcas e patentes, inovando em soluções para diferentes mercados. De acordo com o presidente da companhia, para inovar e preparar a Termotécnica para os desafios que vêm pela frente, “estamos investindo nas pessoas, diversificando nosso portfólio de soluções, abrindo novos mercados dentro e fora do Brasil e incorporando em nossos processos questões apontadas como tendências para a indústria, tais como transformação digital, circularidade e descarbonização”.

O Programa Reciclar EPS, criado há 15 anos de forma voluntária e antecipando-se à Política Nacional de Resíduos Sólidos, marca o pioneirismo e a vanguarda da Termotécnica nas questões de sustentabilidade. A iniciativa gera empregos diretos nas unidades da Termotécnica e conta com cooperativas, gestores de resíduos e geradores diretos parceiros no país. O que impacta na inclusão sócio-produtiva de mais de cinco mil famílias e contribui para a valorização dos trabalhadores da cadeia de reciclagem. “Iniciamos um processo de reconhecimento às cooperativas de reciclagem e ampliamos nossas parcerias, gerando emprego e renda para os trabalhadores deste segmento e suas famílias”, reforça Albano Schmidt.

Desde 2007, a empresa já reciclou aproximadamente 48 milhões de quilos de EPS de embalagens pós-consumo – o que equivale a uma área de mais de 10 estádios do Maracanã – que foram transformadas em nova matéria-prima comercializada no mercado com a marca REPOR.

Os anos de 2021 e 2022 foram de intensificação no desenvolvimento de produtos REPOR de maior qualidade para inserção em peças de clientes com conteúdo de material reciclado, permitindo seu uso em aplicações mais nobres. É o caso da parceria da Termotécnica com a Unigel e Electrolux. Na prática, as embalagens em EPS de eletrodomésticos retornam para a cadeia produtiva após cumprirem com a sua função, sendo transformadas em novos componentes duráveis que serão incorporados aos refrigeradores da Electrolux.

O pioneirismo da Termotécnica na reciclagem gerou uma transformação positiva na percepção da sucata de EPS – que passou a ser valorizada. Esta mudança vem movimentando o mercado com a entrada de novos players na industrialização e comercialização de EPS reciclado, o que é benéfico para o meio ambiente.

A Termotécnica também registrou avanços significativos na redução de carbono. Nos últimos 10 anos, reduziu em torno de 90% das emissões totais de Gases de Efeito Estufa (GEE) e realiza 100% de compra de energia renovável a partir de 2022. As emissões evitadas no período equivalem ao plantio de 19.441 árvores em um projeto de reflorestamento de 20 anos.

Em relação à Valorização das Pessoas a Termotécnica registrou alta retenção e promoção de talentos e maior índice de horas de treinamento por colaborador nos últimos dez anos. A Saúde e Segurança no Trabalho também foi destaque neste período, com queda no índice de acidentes, e a atuação das CIPAs, reconhecida com Troféu Ouro no Prêmio Proteção Brasil 2021.

“Para os próximos anos, queremos incorporar percentuais cada vez maiores de materiais reciclados em nossos produtos, buscar matérias-primas de fontes renováveis e investir cada vez mais na indústria 4.0 e na transformação cultural de nossas equipes. Contemplamos também a ampliação do investimento em inovação para intensificar o movimento de ingresso em novos segmentos e o atendimento a clientes mais distantes de nossas fábricas”, conclui Albano Schmidt.

Créditos: Divulgação

Destaques do Relatório de Sustentabilidade ciclo 2021|2022

GOVERNANÇA | PERENIDADE DO NEGÓCIO

• Mitigação de risco de atendimento com zero parada de clientes just in time

Alto nível de satisfação dos clientes: 8,98

Expansão de atendimento no Agronegócio

Prêmio Inovação Catarinense – Empresa Inovadora (FAPESC)

10 anos do Comitê e de Relatórios de Sustentabilidade

• Soluções para novos segmentos: casa e decoração, e-commerce e bebidas

SOCIAL | VALORIZAÇÃO DAS PESSOAS

• Promoções alcançaram 10% do quadro funcional no último biênio

Alta retenção de talentos: mais de 50% dos colaboradores com 5 anos de empresa

Maior índice de horas de treinamento por colaborador nos últimos 10 anos

• Prêmio Proteção Brasil – Troféu Ouro para Atuação da CIPA em 2021

• Três unidades com zero acidentes

AMBIENTAL | ECONOMIA CIRCULAR NA PRÁTICA

Crescimento no volume de embalagens pós-consumo recuperadas

• Ampliação na introdução de materiais reciclados nos produtos

48 milhões de quilos de EPS recolhidos e reciclados desde 2007

Redução de 90% nas emissões totais de CO2 desde 2012

100% de compra de energia renovável a partir de 2022

• Valorização do REPOR com novas aplicações no mercado

 • Crescimento no reaproveitamento de resíduos

ARTIGOS RELACIONADOS

Mudas de qualidade é com a Flora Brasil

O Viveiro Flora Brasil é especialista na cultura do maracujá há mais de 30 anos, e já produziram mais de 100 milhões de mudas de todas as cultivares plantadas no Brasil.

Nutrien conquista certificado de sustentabilidade

Centro de Experiências em Alfenas é a primeira loja do agronegócio a receber o selo LEED. Outras duas unidades estão no processo final da certificação.

FMC investe em inovação e se destaca nos principais rankings do País

Figurando entre as principais empresas de ciências para agricultura do mundo, a FMC ganha destaque pelas ações que realiza no agronegócio nacional. Prova disso foram os...

Consorciação com café – Sombra e água fresca garantidas

  A produção de café sombreada por florestas ou outras culturas que tenham esse efeito é classificada com vantajosa, uma vez que as interferências climáticas,...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!