17.6 C
Uberlândia
quarta-feira, maio 22, 2024
- Publicidade -
InícioMercadoAtraso no plantio de soja da safra pode impactar safra de milho

Atraso no plantio de soja da safra pode impactar safra de milho

Em relação à safra passada, a semeadura no estado está atrasada em 6,94 pontos percentuais.

O plantio de soja da safra 2023/2024 em Mato Grosso alcançou 60% nesta sexta-feira, 20 de setembro. Em relação à safra passada, a semeadura no estado está atrasada em 6,94 pontos percentuais. Os dados são do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Segundo o vice-coordenador da Comissão de Defesa Agrícola da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), Jorge Diego Giacomelli, o atraso da semeadura nesta safra se deve à irregularidade da chuva no estado. Além disso, Giacomelli prevê que o atraso possa afetar a safra subsequente, que é a do milho.

“A semeadura da soja está atrasada pelo fator clima. As chuvas estão realmente muito irregulares. Na maioria das regiões não caíram volumes suficientes ainda para dar início ao plantio. Então o clima está comprometendo essa abertura de plantio” disse.

“A segunda safra que seria milho, ela depende de uma janela ideal também e como você já atrasa na soja, você vai colher a oleaginosa mais tarde. Se conseguir plantar esse milho, já não vai plantar numa janela ideal, o que pode afetar a produtividade lá na frente e não entregar os resultados que o produtor estava esperando “, completou.

SEMEADURA EM CADA REGIÃO

Dentre as sete regiões de Mato Grosso, que estão semeando a soja, compostas por Centro-Sul, Médio-Norte, Nordeste, Noroeste, Norte, Oeste e Sudeste, quem registra a maior área plantada até o momento é a região Médio-norte, plantando 80,21% de sua área.

Na sequência, a região Oeste aparece com 79,91% de sua área semeada. A terceira região que mais plantou até o momento é a Noroeste, com 60,49% semeado. Na quarta colocação aparece a Centro-Sul, com 58,94% plantado.

Logo após aparece a região Norte, que semeou 52,93% de sua área. A região é seguida pela Sudeste, que alcançou 41,99% da semeadura. Por último, quem menos plantou até o momento foi a região Nordeste, com 39,91% semeado.

ESTIMATIVA DA SAFRA 23/24

Segundo o Imea, Mato Grosso deve colher 43,78 milhões de toneladas de soja na safra 2023/2024, um milhão a menos que na safra passada. A oleaginosa deve ser plantada em uma área de 12 milhões de hectares. A produtividade deve ser de 59,7 sacas por hectare.

ARTIGOS RELACIONADOS

Brasil maior exportador

Responsável por produzir uma quantidade de alimentos que atende a 800 milhões de pessoas ...

Uso de clones é o diferencial no sucesso da heveicultura?

AutoresJosé Geraldo Mageste Engenheiro florestal, PhD e professor – Universidade Federal de Uberlândia (UFU/ICIAG) jgmageste@ufu.br Joicy Vitoria Miranda Peixoto Engenheira agrônoma, doutoranda e...

Brasil é referência em tecnologia para o setor florestal

Com um setor produtivo de árvores plantadas responsável por um PIB de R$ 244 bilhões, em uma área de 9,93 milhões de hectares, o país tem desempenhado um papel de destaque não só na produção, mas também na introdução das principais inovações para impulsionar o setor.

Clube Agro e BRLK vão levar energia solar às propriedades rurais

Além de gerar economia, a energia solar tem zero emissão de poluentes e contribuí com a sustentabilidade do negócio rural.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!