21.6 C
Uberlândia
quarta-feira, fevereiro 21, 2024
- Publicidade -
InícioLançamentosBiossoluções para pragas e doenças altamente destrutivas

Biossoluções para pragas e doenças altamente destrutivas

Rovensa Next lança no Brasil quatro biofungicidas e dois bioinseticidas capazes de evitar grandes perdas econômicas nos mais variados cultivos.

Microrganismos do solo
Crédito Rovensa

O mofo branco é capaz de causar perdas de 70% na produtividade das lavouras de soja, falhas no controle da ferrugem podem comprometer 100% da produção de café e, na safra retrasada, o estado de Santa Catarina registrou prejuízo de 80% no milho devido a uma alta infestação de cigarrinha.

Para evitar que os produtores rurais amarguem perdas como essas é que a Rovensa Next, fruto da união de dez empresas do Grupo Rovensa, incluindo as brasileiras Tradecorp e Oro Agri, lançará uma linha completa de biossoluções durante o Simpósio de Controle Biológico (Siconbiol), o maior evento do gênero na América Latina, que acontece até amanhã (27 de julho), em Petrolina (PE).

Bernardo Vieira, especialista para Biológicos da Rovensa Next Brasil
Crédito Divulgação


“Existe uma demanda extremamente aquecida para o controle biológico, que faz parte de um mercado que cresce cerca de 50% ao ano, sem previsão de queda no curto ou médio prazos. Estamos trazendo uma linha completa e inovadora para os mais variados cultivos, com produtos comprovados mundialmente, seguros para o meio ambiente e ao consumo humano”, destaca Bernardo Vieira, especialista técnico-agronômico para Biológicos da Rovensa Next Brasil.

O novo portfólio contará a partir do Siconbiol com seis novos produtos, sendo um biofungicida para manejo de doenças de solo, o Trichonext, que combate Rhizoctonia e mofo branco; e dois bioinseticidas, Metanext e Bovenext, para o controle de pragas como a cigarrinha do milho e o percevejo castanho, dentre outras.
Além destes, a empresa também traz para o País três biofungicidas foliares, Row-Vispo, indicado para ferrugem da soja e do café; Ospo Vi55 trata oídio em diversas frutas e Milarum é recomendado para míldio na uva e requeima. Eles possuem uma tecnologia exclusiva chamada Bioevology (Bio-evolution Technology), que utiliza coformulantes selecionados para otimizar a eliminação do agente biológico.

“Estamos aproveitando o vasto conhecimento global da companhia em microrganismos, diferentes culturas e tecnologia de aplicação, para trazer para o Brasil produtos de alta eficiência”, explica Luís Carlos Cavalcante, responsável pelos departamentos de Marketing e Vendas da Rovensa Next Brasil. Ele destaca que, além desses novos produtos apresentados no Sincobiol, já existe previsão de lançamentos para os próximos anos.

Para o responsável pela Área Administrativa, RH e Desenvolvimento da Rovensa Next Brasil, Jorge Almeida, estar presente no Sincobiol apresentando estas novidades é bastante significativo, uma vez que esse é o principal evento de biocontrole da América Latina. “Isso só reforça nosso foco em investir continuamente em pesquisa científica para desenvolver soluções inovadoras e mais sustentáveis. Como Rovensa Next, temos mais de 80 parcerias estabelecidas com Centros de Pesquisas e Universidades ao redor do mundo”, conclui.

Sobre a Rovensa Next
A Rovensa Next é a unidade de biossoluções do Grupo Rovensa, criando uma plataforma holística para moldar um futuro sustentável para a agricultura. “Nosso portfólio cobre todo o ciclo de vida da planta, mas eu diria que o biocontrole será nosso diferencial no setor e nós vamos intensificar o crescimento em mercados prioritários como EUA, Brasil e Europa”, explica José Alfredo García, codiretor de Operações da Rovensa Next.

A unidade de negócios é composta por mais de 3.000 funcionários em todo o mundo, com presença em mais de 90 países. Apostando na sustentabilidade, inovação e conhecimento técnico, a Rovensa Next une uma rede global de 30 laboratórios de P&D, centros de excelência, campos e estufas; 14 plantas de produção; mais de 84 parcerias com centros de pesquisa e universidades; 100 especialistas em P&D e inovação; e uma equipe de mais de 850 especialistas em campo.

A Rovensa Next agrega dez empresas pioneiras e sustentáveis no segmento de bionutrição e gestão de biocontrole: Agrichembio, Agrotecnologia, IdaiNature, Microquimica, MIP Agro, Oro Agri, OGT, Rodel, SDP e Tradecorp. Como uma marca, a Rovensa Next abrigará um portfólio equilibrado de produtos de bionutrição, bioestimulantes, biocontrole e biopotenciadores, oferecendo aos agricultores insumos destinados a garantir rendimento e desempenho, promovendo práticas agrícolas sustentáveis.

ARTIGOS RELACIONADOS

Cupins podem destruir a floresta toda

Como os cupins agem contra as florestas? Quais espécies são as mais perigosas? Confira.

Aminoácidos essenciais às plantas

Para as plantas, existem 20 aminoácidos essenciais para seu desenvolvimento e ...

MIP e bioinsumos mudam o olhar para o campo

Marcelo Poletti, engenheiro agrônomo, fundador e CEO da Promip, reflete em artigo sobre os avanços quanto aos biológicos.

Bicudo do algodoeiro – acerte no alvo

O bicudo-do-algodoeiro, Anthonomus grandis Boheman, (Coleoptera: Curculionidae) é a principal praga em lavouras de algodão, responsável por perdas de até 100%, caso o manejo não seja conduzido de forma eficiente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!