28.6 C
Uberlândia
terça-feira, junho 25, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioDestaquesComo aumentar o consumo de produtos frescos no Brasil?

Como aumentar o consumo de produtos frescos no Brasil?

Texto de Valeska de Oliveira Ciré

Valeska de Oliveira Ciré é Country Manager da IFPA no Brasil/Divulgação

A base da alimentação de qualquer cidadão do planeta, recomendado pela Organização Mundial de Saúde, inclui o consumo diário de 400g de frutas, legumes e verduras. Aqui no Brasil, onde quase tudo o que se planta dá, não chegamos a 150g. Como aumentar o consumo de produtos frescos?

A IFPA (International Fresh Produce Association) é uma entidade global que representa a indústria de frutas, flores, legumes e verduras e está comprometida com o aumento do consumo desses produtos. Muitos projetos estão em curso para esse fim.

Informações da Nielsen, líder global de dados do mercado, mostram que no primeiro trimestre, o segmento de produtos frescos faturou R$ 10,3 bi, aumento de 19% de market share, com crescimento de 8,5% em vendas e 5,5% em volume.

Esses números são muito positivos e estimulam os produtores e, principalmente, os varejistas que fidelizam boa parte de seus clientes com os espaços de FLV, a famosa ‘feirinha’ que saiu do cantinho escondido dos supermercados para um lugar nobre com a exposição de FLV, mais organizado e colorido. Só no atacarejo, o FLV cresceu 40% no primeiro trimestre, com alta expressiva em março.

E como aumentar o consumo? O Guia Alimentar para a População Brasileira, que completa 10 anos, define a alimentação adequada, orienta e estimula as pessoas a adotarem estilos de vida mais saudáveis. A primeira recomendação é “Tornar alimentos in natura e minimamente processados, em grande variedade e predominantemente de origem vegetal, a base da alimentação”.

Segundo pesquisa da Nielsen, 59% dos consumidores se propõem a investir mais para consumir produtos saudáveis, e 86% querem mudar – pelo menos – um hábito para ser mais saudável. O consumidor mostra estar alinhado com o tripé: saudabilidade, meio ambiente e bem-estar.

Para conseguir aumentar o consumo de FLV , a IFPA promove a Campanha de Sazonalidade para o varejo, com peças de publicidade sobre os produtos de época, treina os colaboradores sobre os benefícios desses produtos e ensina receitas para que os supermercados divulguem para seus clientes.

Além de analisar dados do mercado para a estratégia comercial de seus associados, a IFPA promove eventos em cada país para discutir as tendências macroeconômicas e tecnológicas, apresentar os lançamentos e promover negócios entre todos os elos dessa indústria.

Aqui no Brasil, dentre os vários eventos de networking – o destaque é para o Brazil Conference & Expo 2024 – nos dias 07 e 08 de agosto, no Expo Center Norte – Pavilhão Amarelo. Em sua 8ª edição, o evento está ainda mais ampliado não só em número de expositores, mas também de atrações: www.freshproduce.com.br.

*Valeska de Oliveira Ciré é Country Manager da IFPA no Brasil.

ARTIGOS RELACIONADOS

Mini couve-flor é tendência de mercado

O consumo de hortaliças é um dos requisitos básicos para uma dieta saudável, contudo ...

Mercado plant-based cresce impulsionado por brasileiros que buscam produtos mais saudáveis

Os produtos plant-based emergiram no mercado de alimentação e estão cada dia mais ganhando destaque na mesa dos brasileiros

Café é a 2ª bebida mais consumida no Brasil

O café é a 2ª bebida mais consumida no Brasil, só ficando atrás da água.

Afinal, o que é fertilizante?

O fertilizante nada mais é do que um alimento para as plantas e tem a tarefa de ajudar os agricultores a produzir o alimento necessário para a crescente população mundial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!