23.6 C
Uberlândia
quarta-feira, abril 17, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesCrescimento de 33,2% em fertilizantes especiais

Crescimento de 33,2% em fertilizantes especiais

Para a Abisolo, o resultado ficou dentro da expectativa para o período

O mercado de fertilizantes especiais teve mais um período de crescimento em 2022, encerrando o ano com um crescimento médio de 33,2%, quando faturamento chegou a R$ 22,193 bilhões. O dado integra o relatório de inteligência de mercado, publicado na nona edição do Anuário da Associação Brasileira de Tecnologia em Nutrição Vegetal (Abisolo). 

Ainda que o aumento de preços tenha impactado o faturamento, a variação foi menor do que a observada em 2021. O aumento médio dos preços foi de 12,6% a 16,4%, dependendo da categoria de produto, o que nos permite concluir que houve crescimento real desta indústria.

Créditos: Divulgação

Fatores como a expansão da adoção dos produtos da indústria pelos agricultores em função do aumento da percepção de valor; o crescimento da área plantada de culturas de grande importância econômica e o valor agregado aos produtos, decorrente dos ganhos tecnológicos incorporados favoreceram os resultados positivos. O maior investimento em tecnologia, considerando a atratividade dos preços das commodities agrícolas, também influenciou o desempenho do setor. 

O presidente do Conselho Deliberativo da Abisolo, Clorialdo Roberto Levrero, ressalta o protagonismo dos agricultores nos resultados do setor, uma vez que compreendem cada vez melhor os benefícios da utilização dos fertilizantes especiais para o aumento da produtividade no campo. “Nossa indústria possui uma ampla variedade de soluções e entrega ótimos resultados a partir da compreensão das particularidades de cada produtor, de cada perfil de negócios e do ambiente onde está inserida a produção” explica Levrero.

Ao detalhar o crescimento do setor, o presidente da entidade esclarece que os dados apresentados se referem ao valor de venda da indústria para revendedores de insumos (51,5%), para cooperativas (10,1%) e para produtores (38,5%). Em função desses percentuais, o valor total do mercado de fertilizantes especiais a preços pagos pelos produtores é significativamente superior.

Por parte da indústria de fertilizantes especiais, Levrero pondera a importância dos investimentos em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I). “A expansão da adoção dos produtos da indústria pelos agricultores tem relação direta com a evolução tecnológica dos produtos. A percepção de agregação de valor à produção é cada vez maior”, detalha o presidente da Abisolo. Ele acrescenta que, em 2022, os investimentos em PD&I foram da ordem de R$ 460 milhões ante a R$ 440 milhões no ano anterior. 

Outro ponto destacado no capítulo de inteligência de mercado do Anuário da Abisolo é o crescimento dos negócios em todas as categorias de produtos, com destaque para os fertilizantes minerais especiais, com o crescimento de 37%, seguidos pelos fertilizantes orgânicos (25,5%) e pelos organominerais (22,7%). Quando analisado o desempenho dos produtos, considerando o seu modo de aplicação, o maior destaque foi para os produtos para aplicação via solo que tiveram crescimento de 66,2% em relação ao ano anterior, seguidos pelos de aplicação via folha (22,6%), os para aplicação via sementes (17,9%) e o para aplicação via fertirrigação e hidroponia (3,8%).

Ainda de acordo com o relatório, os estados de Minas Gerais, São Paulo, Mato Grosso. Goiás e Paraná foram os maiores consumidores de fertilizantes especiais (20,22%, 16,4%, 13,46%, 10,86% e 9,39%, respectivamente).

Em relação às expectativas para 2023, o presidente informa que o setor segue otimista. “A evolução tecnológica da indústria e o espaço para o aumento de adoção, são indicadores seguros de crescimento sustentado nos próximos anos. A pesquisa que realizamos indica uma expectativa de crescimento médio de 32% em 2023”, apontou Levrero.

O Mercado dos Condicionadores de solo de base orgânica em 2022

Este setor teve crescimento de 16,2% se comparado com o faturamento obtido em 2021. Parte importante deste crescimento se justifica em função do aumento da conscientização, pelos produtores, da importância da construção e da recuperação do solo para o aumento da eficiência dos processos nutricionais e para melhoria da performance da produção.

A maior expansão se deu nos condicionadores sólidos (51,9%). Os condicionadores líquidos apresentaram retração nas vendas (8,4%).

O Mercado dos Substratos para Planta

Em 2022, o mercado de substratos para plantas obteve um faturamento 7,9% superior, quando comparado ao de 2021. O desempenho do setor no ano ficou aquém das expectativas da indústria, que esperava um crescimento no consumo de hortaliças e de frutas – seus principais mercados. Em um ano de incertezas políticas, de alta inflação nos preços dos alimentos e de queda no poder de compra de uma parcela dos consumidores, as expectativas não se consolidaram. O setor entende que 2023 será um ano de recuperação e dependendo da conjuntura, espera obter um crescimento maior do que 5%. 

ARTIGOS RELACIONADOS

Alta nos fertilizantes: como revendedores podem encontrar o melhor preço?

O coração da movimentação de fertilizantes no Brasil é o revendedor, que consegue encontrar o melhor preço, conectando-se aos fabricantes por meio de novas tecnologias.

Cultivo de tilápia cresce 3% ao ano

Para consolidar e fomentar ainda mais esse mercado, entre os dias 24 e 26 de outubro, acontece o Seafood Show, evento totalmente destinado ao pescado

Escolha do motor elétrico afeta na economia de energia

É preciso analisar dados da aplicação, regime de trabalho e ambiente de instalação para definir qual o motor correto.

Nutrisafra apresenta fertilizantes de alta performance

A expectativa da Nutrisafra para a Hortitec é alta, por se tratar da maior feira do setor e pela volta após dois anos sem ser realizada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!