20.6 C
Uberlândia
quarta-feira, maio 22, 2024
- Publicidade -
InícioMercadoEPAMIG inaugura melhorias na Agroindústria

EPAMIG inaugura melhorias na Agroindústria

Área ganhou novos equipamentos, adquiridos com recursos de projeto financiado pela Sede/ Fapemig.

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) vai apresentar os novos equipamentos da agroindústria de azeite, durante a programação do Azeitech, que ocorre no próximo dia 2 de fevereiro, no Campo Experimental da Empresa em Maria da Fé.

Azeites EPAMIG
Créditos: Divulgação

A modernização do lagar foi possibilitada com recursos do edital PPE 00049/21 da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede)/ Fapemig. “Esta foi uma oportunidade fundamental para a EPAMIG e para os programas de Pesquisa da Empresa, uma vez que possibilita a liberação de valores maiores do que dos editais comuns. No nosso caso do programa de Olivicultura pudemos propor, e foi aprovada, a compra de equipamentos mais modernos e potentes, que nos possibilitam ter tecnologia similar a dos principais lagares da região”, assegura o coordenador do Programa Estadual de Pesquisa em Olivicultura da EPAMIG, Luiz Fernando de Oliveira.

De acordo com o pesquisador, o projeto contemplou valores próximos a R$2 milhões para a compra de máquina extratora, lavadores de garrafa, rotuladores, tanques e mesas de inox, e equipamentos de laboratório. “A nova extratora tem capacidade para processar 250kg de azeitona por hora. Enquanto a anterior, modelo de 2010, tem capacidade para 100kg por hora. Isso vai permitir executar mais que o dobro de trabalho em menos da metade do tempo. Além disso, o novo equipamento tem uma centrifuga vertical responsável por eliminar o resíduo de água e partículas sólidas antes da fase de decanter, o pode melhorar e muito a qualidade do nosso azeite”, informa.

A máquina extratora foi adquirida da catarinense Fast Indústria. “Temos que ressaltar que essa é uma tecnologia desenvolvida no Brasil por uma empresa que é parceira no desenvolvimento do trabalho, temos na EPAMIG várias trocas de experiências com eles para o desenvolvimento de pesquisas”, acrescenta Luiz Fernando. “Tenho certeza de que esse novo equipamento vai agregar mais qualidade ao azeite produzido pela EPAMIG e aos serviços que ofertamos aos produtores que ainda não possuem seus lagares”, completa.

O novo maquinário inclui também uma rotuladora e novos equipamentos para as análises laboratoriais. “O produtor que optar por processar suas azeitonas conosco, poderá sair daqui com o seu produto envasado e rotulado. Além disso, pode obter um laudo físico-químico do azeite. Nosso laboratório é equipado para realizar desde as  análises da matéria prima (ponto de maturação ideal para a colheita), até a qualidade do produto final”, finaliza Luiz Fernando.

ARTIGOS RELACIONADOS

EPAMIG inicia comercialização de sementes de café da safra 2022/2023

A disponibilização das sementes acontece, especialmente, no período de colheita, entre os meses de maio e agosto.

EPAMIG monitora condições hídricas de cafeeiros por meio de drones

Pesquisa desenvolve soluções inovadoras para convivência com a seca, dentre elas o aprimoramento de um aplicativo para celular.

Projeto que avalia o desempenho de novas cultivares de café para MG tem primeiros resultados

Unidades demonstrativas foram implantadas em todas as regiões cafeeiras do Estado

Como melhorar a palatabilidade da banana

Depoimento de produtor que melhora a palatividade da banana para consumo no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!