20.6 C
Uberlândia
terça-feira, maio 28, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioAnimaisEstratégias para um desmame sem estresse

Estratégias para um desmame sem estresse

O manejo durante o desmame pode causar desequilíbrios na microbiota intestinal dos leitões, comprometendo sua saúde digestiva.

Foto: Leandro Dias

O desmame é um manejo crucial para os leitões, onde o estresse pode afetar não só sua sobrevivência, mas também seu desempenho futuro. É um momento de transição para os leitões, e é essencial garantir que esse momento seja o mais suave possível.

Mara Costa, Gerente de Serviços Técnicos da Kemin, destaca a importância de considerar não apenas o peso dos animais ao desmame, mas também o estado imunológico deles. “Os leitões ainda não têm seu sistema imunológico totalmente desenvolvido nessa fase, o que os torna mais vulneráveis a problemas de saúde”, explica Mara.

O manejo durante o desmame pode causar desequilíbrios na microbiota intestinal dos leitões, comprometendo sua saúde digestiva. Isso pode levar a problemas como diarreia, afetando diretamente o desempenho dos animais.

“Após o desmame, os leitões precisam de alguns dias para se recuperarem do estresse, o que pode atrasar o início do consumo de ração. Isso, combinado com o estresse intestinal, pode resultar em uma série de complicações que prejudicam o crescimento e desenvolvimento adequado dos animais”, detalhou Mara.

Para garantir uma rápida recuperação e um desempenho rentável na fase de creche, muitos produtores costumam recorrer a aditivos, como os antimicrobianos, na dieta dos leitões. No entanto, o uso desses aditivos está enfrentando restrições devido a preocupações com a resistência a antibióticos em humanos e ao banimento de substâncias como o óxido de zinco em altas doses na Europa.

“Por esse motivo, uma alternativa promissora são os Beta-glucanos 1,3, que são reconhecidos por sua capacidade de fortalecer o sistema imunológico dos animais. A Kemin após estudos e testes desenvolveu um produto com beta-glucanos derivados da alga Euglena gracilis. Eles têm sido eficazes em reduzir os efeitos do estresse durante o desmame”, contou Gisele Neri, gerente de produtos da Kemin.

Estudos mostraram que os leitões que receberam Beta-glucanos apresentaram uma menor incidência de diarreia e uma melhoria na saúde intestinal. Além disso, esses beta-glucanos ajudam os leitões a se recuperarem mais rapidamente do estresse pós-desmame, resultando em um melhor ganho de peso e eficiência alimentar.

“Em um momento em que o uso de aditivos na alimentação animal está sob exame minucioso, melhorar a imunidade, e consequentemente a saúde intestinal, dos animais se torna crucial para reduzir a dependência de antibióticos e garantir uma produção animal saudável e eficiente”, alertou Mara.

Para explorar mais detalhes sobre os estudos e pesquisas mencionados no texto acesse o Link

Sobre a Kemin Industries

A Kemin Industries é uma fabricante global de ingredientes, que se empenha diariamente em transformar de maneira sustentável a qualidade de vida de 80% da população mundial com seus produtos e serviços. A empresa possui mais de 500 ingredientes patenteados para saúde e nutrição humana e animal, alimentos para animais de estimação, aquicultura, nutracêuticos, tecnologias alimentares, tecnologias agrícolas e indústrias têxteis.
Por mais de meio século, a Kemin se dedica ao uso da ciência aplicada para enfrentar os desafios do setor e oferecer soluções de produtos para clientes em mais de 120 países. A Kemin fornece ingredientes para alimentar uma população em crescimento, com seu compromisso com a qualidade, segurança e eficácia de alimentos, rações e produtos relacionados à saúde.
Fundada em 1961, a Kemin é uma empresa privada, de propriedade e operação familiar, com mais de 3.300 funcionários e operações globais em 90 países, incluindo instalações de fabricação na Bélgica, Brasil, China, Índia, Itália, Rússia, São Marino, Singapura, África do Sul, Turquia e Estados Unidos. Outras informações sobre a Kemin podem ser encontradas na sua página (www.kemin.com), ou nas redes sociais LinkedIn e Facebook

ARTIGOS RELACIONADOS

Reduzir o estresse dos suínos gera maior produtividade

Estudos em granja no Paraná apontam que cuidar do bem-estar das matrizes principalmente na fase final de gestação, ajuda a tornar os recém-nascidos mais resistentes e saudáveis. Especialista orienta sobre o melhor manejo a fim de evitar essas situações

Nutrição equilibrada e boa genética pautam o sucesso na produção de suínos

Para ser eficiente e atingir altas produtividades, criador precisa ter atenção especial com estes importantes fundamentos que são essenciais para garantir bons resultados de qualquer modelo de criação

Como cuidar do cafeeiro com equilíbrio nutricional?

O mês de setembro marca o final da safra de café 2020/21. Segundo dados divulgados pela Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé), que é a maior do segmento, com sede no Sul de Minas e tendo mais de 11 mil cooperados, foram colhidos 92,54% da safra de café 2020, conforme levantamento divulgado na primeira semana de setembro.

Clima aumenta estresse nas plantas

Fenômeno El Niño desencadeou chuvas intensas e altas temperaturas, afetando o desenvolvimento das mais diversas culturas agrícolas no país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!