29.4 C
Uberlândia
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesEstudo comprova que a nutrição favorece a resistência de plantas cítricas a...

Estudo comprova que a nutrição favorece a resistência de plantas cítricas a doenças

Divulgação

Com a ambição de construir um futuro alimentar positivo para a natureza, a Yara, líder mundial em nutrição de plantas, apresenta o resultado de mais um projeto científico realizado em colaboração entre a companhia e o Instituto Agronômico (IAC) sobre o efeito da nutrição na tolerância de plantas cítricas a doenças como a Podridão Floral do Citros (PFC). O experimento está entre os 152 projetos científicos conduzidos pela companhia, em parceria com 48 instituições de ensino e pesquisa neste ano.

“Pesquisas acadêmicas como esta trazem enorme contribuição para o desenvolvimento de técnicas e soluções que impactam no aumento da produtividade, na qualidade e sustentabilidade dos cultivos, por isso, a Yara tem avançado cada vez mais em iniciativas baseadas no conhecimento e na ciência para o desenvolvimento de soluções nutricionais, com foco em uma agricultura mais produtiva e regenerativa”, afirma Guilherme Schmitz, diretor de Desenvolvimento de Mercado da Yara Brasil.

Prejudicial à citricultura, a PFC é uma doença causada pelo fungo “Colletotrichum abscissum” durante a florada dos citros. No período de florescimento, geralmente durante a primavera, o volume de chuvas tende a aumentar, criando um ambiente ideal para que o fungo se desenvolve na pétala da flor de citros e, dependendo da severidade, pode causar grandes perdas da produção, já que a flor é abortada e não forma o fruto.

Com objetivo de demonstrar os benefícios de uma nutrição adequada, experimentos foram conduzidos em casa de vegetação com plantas de laranjeira doce Tobias (variedade com florescimento precoce), crescidas por vários meses em vasos e supridas com solução nutritiva com níveis crescentes de cálcio (Ca), nutriente chave na citricultura. No estudo, o Ca foi fornecido via fertilização com nitrato de cálcio (NC), sendo 100% do nitrogênio (N) na forma de nitrato, além de Ca solúvel, melhorando assim a estrutura anatômica dos tecidos das plantas.

LEIA TAMBÉM:

Manejo de plantas espontâneas em pomares de citros
Isaria fumosorosea x ácaro da leprose dos citros

No período de pleno florescimento, os botões florais foram inoculados pelo agente causal da PFC e, posteriormente, o desenvolvimento da doença foi analisado. Os resultados apontam que plantas com maior suprimento de Ca solúvel apresentaram pétalas com paredes celulares epidérmicas mais espessas, que proporcionaram maior resistência contra a penetração direta do fungo e, consequentemente, mostraram baixa incidência da doença.

No estudo, as análises de microscopia de luz e eletrônica revelaram também que a maior presença de Ca nas pétalas das flores proporcionou maior número, menor diâmetro e rugosidade das células da epiderme, formando um tecido mais compacto e plano, auxiliando assim na prevenção de doenças como a PFC, já que a maior rugosidade nas pétalas pode causar acúmulo de água nesta região e um ambiente mais favorável para o desenvolvimento do fungo.

Em ensaios de campo também foram observados benefícios em relação ao desenvolvimento das laranjeiras, tanto na parte aérea como na raiz, já que comprovadamente o fertilizante à base de NC não diminuiu o pH do solo, proporcionando aumento na produtividade, melhoria na qualidade dos frutos e na estruturação celular da planta.

ARTIGOS RELACIONADOS

Porta-enxerto com adensamento em citros

Aumentar a densidade do plantio funciona melhor com porta-enxertos mais produtivos.

Algas melhoram o teor de ºBrix do limão

Nilva Terezinha Teixeira Engenheira agrônoma, doutora em Solos e Nutrição de Plantas e professora de Nutrição de Plantas, Bioquímica e Produção Orgânica do Centro...

Como deve ser a aplicação de nitrogênio via foliar?

Dentre os elementos minerais às plantas, o N é o mais consumido pela maioria das espécies vegetais, existindo raras exceções a esta regra. As plantas absorvem este elemento tanto na forma catiônica NH4+ (amônio), quanto na forma aniônica NO3- (nitrato), sendo o solo o principal provedor deste nutriente para as plantas, com exceção de algumas leguminosas que obtêm o N em sua maioria da atmosfera, por meio da associação simbiótica com microrganismos que conseguem converter N2 em amônio, e em seguida ser assimilado no metabolismo da planta.

Inixia – Especialista em nutrição de plantas

A Inixia é uma divisão de produtos exclusivos para fertirrigação da Defensive, criada em 2017 para trabalhar com um portfólio de especialidades na área...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!