29.4 C
Uberlândia
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesFlores e agronegócio: a união da beleza com o trabalho

Flores e agronegócio: a união da beleza com o trabalho

Créditos Pixabay

Por Clóvis Souza, fundador e CEO da Giuliana Flores

Além de sua função no meio ambiente, de fabricar sementes para dar origem a novas plantas, as flores inspiram beleza e trazem significados especiais para a vida das pessoas. Sua natureza é efêmera, mas seu grande número de formas e cores e, claro, seus diversos aromas, podem representar memórias, sentimentos e marcar grandes momentos.

Presente em ocasiões especiais, as flores são uma paixão nacional. A função dessas plantas ainda vai além: o mercado é parte importante do agronegócio e impulsiona a economia brasileira. De acordo com um estudo do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) da USP, em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária no Brasil (CNA), o setor do agronegócio atingiu o recorde de participação no Produto Interno Bruto Brasileiro (PIB) em 2021, quando considerados os últimos 17 anos.

Com o aumento de 8,36% no ano passado, o agro representa 27,4% do PIB, maior marca desde o ano de 2004, quando registrou 27,5%. Esses números mostram como esse nicho da economia com o passar dos anos fortaleceu sua importância, gerando renda e empregos por todo o Brasil.

Em um país onde os negócios do campo são essenciais para a sociedade, a fatia de flores e plantas ornamentais também acumula crescimentos nos últimos anos e vem ganhando destaque no campo e no varejo, tornando-se fundamental para o conceito do agronegócio.

Outra pesquisa do Cepea, em parceria com o Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor), revela que o setor reuniu R$ 7,16 bilhões em 2017. O segmento dentro da porteira representa 23%, o comércio e serviços pós-porteira, 31%, e os agrosserviços, como transporte, financiamento, jurídico, contabilidade, telecomunicações, totalizam 45% dessa cadeia de valor. Na soma adicionada, o setor de flores e plantas ornamentais acumula um movimento na economia de quase R$ 15 bilhões.

Clóvis Souza/Divulgação

O consumo per capita de flores e plantas é de R$ 35,3 mil, 76% superior ao consumo per capita médio do agronegócio brasileiro. No varejo, supermercados vendem R$ 321 milhões e as floriculturas, R$ 624 milhões, com decoração, jardinagem e paisagismo, superando R$ 1 bilhão.

Um dos aspectos que contribui para essa expansão são as condições climáticas do Brasil. Assim, é possível produzir flores, folhagens e outros derivados todos os dias do ano a um custo reduzido. Isso favorece a consolidação da atividade econômica que é desenvolvida principalmente por produtores rurais e ainda colabora para a melhor distribuição de renda e, consequentemente, a evolução social.

Nada melhor do que unir a beleza e alegria das flores com uma função tão importante no campo socioeconômico. É um mercado promissor para quem produz e para o empreendedor e encantador para quem ama flores. Com potencial e crescimento orgânico, o segmento é uma tendência atemporal.

* Clóvis Souza é fundador da Giuliana Flores, maior e-commerce de flores do país, ocupando 65% no Brasil de market share no Brasil, com mais de 600 mil entregas feitas por ano – giulianaflores@nbpress.com.br

ARTIGOS RELACIONADOS

Startup leva solução de assinatura digital para o agro

O Grupo Siagri, que desenvolve tecnologia para agronegócio, lançará até o fim do primeiro semestre deste ano a startup Assinei. O novo empreendimento do grupo fornecerá...

Tecnologia que evita desperdício de água no agronegócio

Visando o consumo de água setores do comércio e da indústria estão buscando alternativas para reduzir o desperdício do recurso hídrico. Tecnologia em motores elétricos proporciona distribuição de água eficiente evitando gastos.

Quais os principais tipos de tributação que impactam o agronegócio?

Por Leonardo Amaral, advogado tributarista.

Número de mulheres em cargos de destaque no agro cresce 38%

Pesquisa revela que elas estão em todas as áreas do agronegócio vencendo desafios e trazendo novos olhares, como a importância da sustentabilidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!