Sementes com alto potencial produtivo

0
22
Soja – Foto: Divulgação

O mercado de sementes de soja movimentou cerca de R$ 11,2 bilhões no ciclo 2019-20, de acordo com o estudo BIP Soja Sementes, desenvolvido pela Spark Inteligência Estratégica. Trata-se de um aumento de 7,5% em relação ao período anterior, o que comprova o crescimento do mercado.

Outro dado interessante é que esse incremento está sendo impulsionado por alta tecnologia. De acordo com pesquisas de mercado, cerca de 65% dos produtores rurais brasileiros utilizam sementes certificadas. Isso ocorre, entre outros motivos, porque essas oleaginosas têm alto vigor, com qualidade fisiológica, sanitária, genética e física, conferindo, então, um ganho de qualidade e de produtividade no campo.

Este contexto positivo tem impulsionado o crescimento da sementeira Jotabasso, que acaba de completar 50 anos, repletos de conquistas e de muitos diferenciais competitivos, sendo referência na produção e comercialização de sementes de soja e sorgo para todo o Brasil, com qualidade e tecnologia em seu robusto portfólio de cultivares.

Início – Tudo começou na década de 70 quando o empreendedor João Basso, fundador da companhia, decidiu expandir suas atividades agrícolas e investiu em agricultura no cerrado brasileiro. João Basso sempre acreditou na agricultura como atividade fundamental para o desenvolvimento regional. Ao longo dos anos, estabelecu uma sólida constituição baseada em fortes valores de transparência, honestidade, respeito e inovação, que norteiam a manutenção e o crescimento da empresa há várias gerações.

O CEO da Jotabasso, Sr. José Amaral, acrescenta que um dos diferenciais competitivos da Jotabasso é a ampla diversidade geográfica.

“Temos cinco unidades de produção, localizadas desde o Sul do Mato Grosso do Sul até o Mato Grosso, totalizando mais de 50 mil ha de área de produção de semente de soja e culturas de safrinha. Esse posicionamento, aliado à nossa alta tecnologia, nos permite atender diversos perfis de clientes, minimizando riscos climáticos”.

Investimento constante – Nos últimos três anos, a Jotabasso investiu mais de 300 milhões em suas unidades, contemplando, entre outros pontos, a reestruturação do parque industrial, a climatização da armazenagem e a implantação de tecnologia de ponta no manejo da produção agrícola e industrial.

José Américo observa que a tecnologia está embarcada em todos os processos produtivos da Jotabasso, desde a seleção de materiais até o desenvolvimento final das sementes, como a Conkesta Enlist e Intacta I2X, passando pela manutenção dos campos de produção, pela infraestrutura de recepção e beneficiamento.

“Seguimos rigorosos protocolos que contribuem para um assertivo controle de qualidade. Todos os dados das nossas operações agrícolas são monitorados em tempo real e transformados em informações para tomada de decisão, contribuindo para a plena satisfação de nossos clientes”, pontua o CEO.

Nos últimos cinco anos a Jotabasso também dobrou a área de produção agrícola, expandindo sua cobertura comercial para além dos estados do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Rondônia e chegando aos estados de São Paulo e Paraná. Outra área que cresceu foi a pecuária, impulsionada pela genética de ponta e manejo intensivo dos animais com os recursos de última geração.

“Essa expansão é resultado de uma governança corporativa eficaz e do empenho dos nossos colaboradores e da alta gestão, que vestem a camisa da empresa e estão comprometidos com as metas e o sucesso da companhia”, observa o CEO da Jotabasso, empresa que recebe há três anos consecutivos premiação pela qualidade de suas sementes em 90% de germinação.

Áreas estratégicas – A Jotabasso tem um forte reconhecimento nacional por oferecer sementes que se destacam nos testes físicos, químicos e visuais, oferecendo uma das soluções mais eficientes para potencializar a produtividade da lavoura de seus clientes. Esse rigoroso processo só é possível graças ao intenso programa de capacitação de pessoas e a criação de novas áreas, como facilities, business intelligence, data analytics, marketing e outros.

O departamento de marketing realizou a implementação e padronização da nova identidade visual Jotabasso, aplicada aos produtos internos e externos. A empresa também reforçou os investimentos nos canais digitais, ampliando ainda mais o seu reconhecimento no mercado. Já o departamento de sustentabilidade intensificou algumas iniciativas, como a recuperação de áreas degradadas e outros demais projetos priorizados pela companhia. Em setembro deste ano, a Jotabasso foi reconhecida pela Great Place to Work como uma das melhores empresas para se trabalhar no Brasil, conferindo ainda mais credibildiade e reforçando a preocupação da empresa com transparência e honestidade.