27.1 C
Uberlândia
domingo, fevereiro 25, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosGrãosSementes de soja

Sementes de soja

Daniele Brandstetter RodriguesEngenheira agrônoma, mestra em Agronomia, doutora e pós-doutora em Ciência e Tecnologia de Sementesufpelbrandstetter@hotmail.com

Gustavo CafissoEngenheiro agrônomogustavo_cs0@hotmail.com

Soja – Créditos: shurtterstock

A agricultura brasileira vem sendo aprimorada ano após ano, com destaque para os últimos 10 anos, onde ferramentas tecnológicas digitais entram todo dia em benefício do agro. Com tanto aprimoramento, os produtores que não se adequam ficam para trás. Para esse novo conceito de agricultura o produtor precisa estar atento a todo o meio produtivo, ambiente, insumo, operação e gestão. 

Com essa nova demanda de alta produção, o insumo base da produção, a semente, teve que acompanhar essas melhorias, e a semente com no mínimo 80% de germinação, que era comercializada antigamente, perde espaço no mercado ano após ano. A emergência, estande de plantas e arranque inicial de plântulas de soja são fatores decisivos para uma boa safra.

Qualidade

[rml_read_more]

A oferta de sementes de alta qualidade vem acompanhando essa tendência de mercado. Além das empresas que já produziam sementes há tempos se aperfeiçoarem, novas sementeiras surgiram no mercado, com alto volume de produção. Esse mercado de sementes de soja caminha para um novo padrão de qualidade, e em breve a empresa que não entregar plantas de alto vigor, estará fadada ao fracasso.

Nos dias atuais, se adquire maior precisão na qualidade das sementes distribuídas no mercado por meio do controle de qualidade interno das empresas. Avanços sobre o conhecimento do vigor e sua correlação com o sucesso do desenvolvimento e crescimento das plantas no campo são destaques, neste sentido, mesmo embora se trate de uma característica não exigida pela legislação brasileira como quesito obrigatório da comercialização de sementes de soja, há forte preocupação neste sentido.

Outro fator que pressiona esse padrão de qualidade pelas empresas produtoras são as empresas de melhoramento genético, pois essas investem muito em pesquisa e melhoramento para comercializar uma cultivar que satisfaça aos produtores com sua performance. Com isso, para ser comercializada, é necessária uma ótima semente para que essas cultivares expressem todo o seu potencial produtivo.

Por fim, por ser um produto altamente interessante para consumo mundial, devido a seus derivados, a exportação de soja brasileira cresce ano após ano, o que impulsiona a produção do grão, demandando sementes de qualidade.

Artigo anterior
Próximo artigo
ARTIGOS RELACIONADOS

Novo programa de melhoramento estimula produção de trigo

Além de pesquisas voltadas para o desenvolvimento de cultivares com maior resistência à brusone, a Biotrigo também possui uma linha de pesquisa para avaliar o efeito do...

Pela primeira vez, BASF apresenta portfólio completo de sementes em evento para sementeiros

Mais de 150 profissionais do mercado de sementes participaram do Seed Show 2019. O evento foi realizado pela BASF nos dias 06 e 07 de junho...

Tratamento de sementes: por que ele é importante para implementação da soja?

O tratamento de sementes é uma prática que está no mercado desde 1981, logo, completando 41 anos de existência e sem prazo de validade, pois embora o conceito teórico da prática permaneça, está em constantes inovações.

Fitorreguladores na cultura da soja é a receita para altas produtividades?

Autora Nilva Terezinha Teixeira Engenheira agrônoma, doutora em Solos e Nutrição de Plantas e professora de Nutrição de Plantas, Bioquímica e Produção Orgânica...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!