23.6 C
Uberlândia
quinta-feira, fevereiro 29, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesSipcam Nichino comercializa fungicida contra Rhizoctoniose

Sipcam Nichino comercializa fungicida contra Rhizoctoniose

Mais conhecida por macha-asfalto, doença pode comprometer a cultura; fungo Rhizoctonia solani é considerado um dos principais desafios na safra

Nos próximos dias o fungicida Pulsor® 240 SC será integrado ao portfólio de soluções da Sipcam Nichino Brasil, indicado ao controle da doença Rhizoctoniose, ou Rhizoctonia, causada pelo fungo Rhizoctonia solani, popularmente conhecida por mancha-asfalto. Não controlada, a ação desse patógeno, hoje considerado um dos principais desafios do produtor na safra, prejudica o vigor, o estabelecimento da cultura e traz até mesmo a perda de toda uma lavoura do tubérculo, conforme especialistas.

Colheita de batata
Créditos: Divulgação

Pulsor® 240 SC é descrito pela companhia como um fungicida de ação sistêmica do grupo das carboxanilidas, de translocação lenta, dotado também de propriedades preventiva e curativa. O produto, assinala a empresa, está registrado ainda nos cultivos de café, crisântemo e gramados.

Na bataticultura, destaca a Sipcam Nichino, Pulsor® 240 SC deve ser aplicado no sulco do plantio. “Específico para o controle da Rhizoctoniose, preventivo e curativo, age sobre as diversas raças do fungo Rhizoctonia solani”, observa Vitor Cabral Araujo, da área de desenvolvimento de mercado.

“Trata-se de uma solução capaz de controlar essa doença ao longo de grande parte do ciclo da batata. O fungicida apresenta efeito residual prolongado e ação curativa. Mostrou também, nos testes e pesquisas, transferir excelente relação custo-benefício no tratamento da lavoura. É hoje uma opção segura do bataticultor ante os prejuízos potenciais da podridão-dos-frutos”, continua.

Vitor Cabral explica que a Rhizoctonia surge, sobretudo, em solos frios. O patógeno, segundo ele, ataca primeiramente os brotos, antes e depois da emergência. “Afeta o estande e a uniformidade de lavouras”, ele reforça. “O ataque do fungo começa por meio do solo, daí surgem a podridão das raízes, cancros e tombamentos”, explica.

“Aplicado preventivamente, Pulsor® 240 SC é rapidamente absorvido pela planta e auxilia o bataticultor a ter mais produtividade e rentabilidade, isento dos danos da doença”, complementa Cabral.

Conforme o agrônomo, os casos da doença têm sido mais comuns nos principais estados produtores de batata do Brasil: Minas Gerais, Paraná e São Paulo. A produção nacional do tubérculo, segundo fontes oficiais, se situa na faixa de 4 milhões de toneladas anuais.

ARTIGOS RELACIONADOS

Inoculação reduz uso de inseticidas e fungicidas nas lavouras

Diferentes técnicas são usadas para assegurar que o agricultor terá à sua disposição cultivares resistentes a variados tipos de doenças

Morfolina pode ajudar no manejo de doenças

O principal destaque para essa molécula é que ela vem se apresentando como alternativa no manejo de doenças

Fungicida tem eficácia sobre cercosporiose

Solução multicultura está registrada também para patógenos que atingem cerca de 20 cultivos de relevância econômica, informa fabricante

Bioquímico com molécula inédita no Brasil

Romeo SC é o fungicida biológico inovador para o controle da ferrugem da soja, que otimiza o sistema de manejo de doença de forma preventiva

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!