23.7 C
Uberlândia
quinta-feira, fevereiro 29, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosHortifrútiFloral Atlanta - Para quem busca qualidade no que faz

Floral Atlanta – Para quem busca qualidade no que faz

 

Crédito Luize Hess
Crédito Luize Hess

A Floral Atlanta levou para a Hortitec seu carro-chefe, o Green-up, um substrato à base de espuma fenólica que atende as necessidades de germinação e enraizamento de plantas.

Fábio Pupp, gerente comercial da Floral Atlanta, informa que Green-up possui todas as características de um substrato, porém sintético, com a vantagem do manuseio facilitado no trabalho, higiene, não acumula bactérias e ser um produto inerte, sem nenhum contato com substâncias tóxicas ou agrotóxicos. “Este substrato é indicado para todas as HF, em especial as folhosas, tomate, hortelã, entre outros“.

Tranplantio

Na alface, a partir da segunda semana as mudas já podem ser transplantadas para as bancadas de hidroponia ou para o solo. “Além do substrato, o único insumo necessário são os nutrientes, para potencializar o desenvolvimento da planta“, explica Fábio Pupp.

Quanto ao custo do Green-up, comparado a um substrato convencional orgânico, é um pouco superior, porém, no decorrer da produção ambos se equiparam.

Lançamento

O lançamento da Floral Atlanta para esta edição da Hortitec foi a bandeja com células separadas, tendo sido desenvolvida para melhorar ainda mais o cultivo, economizando processos como o transplante da espuma. “O berçário, desta forma, será um só, do início ao fim do processo“, detalha Fábio Pupp.

Balanço da feira

Na opinião de Fábio Pupp, a Hortitec, feira que ele participa há mais de 15 anos, foi muito boa, especialmente no aspecto de novos mercados fora do Brasil. “Tivemos muita visitação de produtores e empresas interessadas em levar nosso produto para o exterior, principalmente a América do Sul. Quanto ao volume de pessoas, observei uma queda, sem, entretanto, cair o volume de negócios“, avalia.

Atualmente, de 20 a 25% do mercado da Floral Atlanta está voltado para a espuma fenólica para HF.

Essa matéria você encontra na edição de agosto da Revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira o seu exemplar.

 

Ou assine

ARTIGOS RELACIONADOS

Tubetes – Ferramenta versátil para a cafeicultura

  Fernando Takayuki Nakayama Pesquisador científico APTA " Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, Polo Regional da Alta Paulista, Adamantina (SP) fnakayama@apta.sp.gov.br A cafeicultura é, sem dúvida, uma...

Mal das folhas – Sério problema para a heveicultura nacional

Ernane Miranda Lemes Engenheiro agrônomo, fitopatologista e doutor em Fitotecnia ernanelemes@yahoo.com.br José Geraldo Mageste Engenheiro florestal, doutor e professor - ICIAG-UFU jgmageste@ufu.br Fernando Bacilieri Engenheiro agrônomo e doutorando Agronomia - UFU ferbacilieri@zipmail.com A...

Green Has – Mais produtividade na cafeicultura

Este é o primeiro ano que a Green Has participa do Simcafé, empresa parceira há dois anos da Coocapec. “Na linha Techfértil temos um...

Influência da temperatura e do fotoperíodo na formação de escleródios

Leandro Luiz Marcuzzo Fitopatologista e professor do Instituto Federal Catarinense (IFC) - campus de Rio do Sul marcuzzo@pesquisador.cnpq.br   Pesquisas relacionadas à podridão branca no Brasil ainda são...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!