23.3 C
São Paulo
terça-feira, julho 5, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Oxiquímica apresenta o Projeto I9&Celebre

Oxiquímica apresenta o Projeto I9&Celebre

Oxiquimica - Crédito Luize Hess
Oxiquimica – Crédito Luize Hess

 

A Oxiquimica esteve presente na 14ª edição da Femagri divulgando o Projeto I9 & Celebre que é um conjunto de iniciativas articuladas de ofertas de produtos e serviços que atendam às necessidades do cooperado Cooxupé. De acordo com Éder de Paula Guirau, coordenador de marketing da Oxiquimica, o projeto surgiu de uma necessidade que a Oxiquímica tinha junto à Cooxupé de oferecer não só produtos diferenciados, mas também um pacote de serviços, priorizando um formato de negócio sustentável, corporativo e duradouro.

“Oferecemos não só produtos e tecnologias, que vão agregar em produtividade para o produtor, mas também um pacote de serviços que possibilita acompanhar e medir esses resultados. Disponibilizamos, também, um colaborador de apoio, que oferece todo o suporte técnico necessário em relação aos nossos produtos“, esclarece Guirau.

Além disso, preocupada com a atual demanda ambiental e integrado a esse projeto, a Oxiquímica lançou o programa PIPA (Programa Integrado de Proteção Ambiental). Este programa consiste em reverter uma porcentagem das compras de produtos Oxiquimica realizadas pela Cooxupé, em ações ambientais dentro da própria cooperativa

Pedro Augusto de Paula, produtor de café na Fazenda Padre Vitor - Crédito Arquivo pessoal
Pedro Augusto de Paula, produtor de café na Fazenda Padre Vitor – Crédito Arquivo pessoal

Projeto I9& Celebre

O projeto I9& Celebre já está em execução. Começou em 2014, e neste ano está se consolidando. “Em 2014 fizemos um trabalho de massificação do projeto junto aos cooperados e colaboradores da Cooxupé, tivemos um excelente resultado e 2015 será o ano de consolidação do projeto “explica Eder Guirau.

Parceria

Deise Aparecida Diógenes Santos é representante técnica de vendas da Oxiquímica na região de Alta Mogiana Paulista e Sudoeste de Minas. Ela conta que dentro da Cooxupé são onze núcleos de atuação, todos envolvidos na parceria. “Os produtos envolvidos no projeto I9& Celebre são I9 Café, Torped Gold, a linha de tecnologia emaplicação Oximult, Oxiclean e Detect 10, e ainda o Enervig e o Prosper, que são produtos diferenciados para pré e pós-florada, além doCelebro, que é um produto para aplicação via drenchà base de boro“, detalha.

José Geraldo Junqueira, gerente comercial de insumos da Cooxupé, está satisfeito com os resultados. Ele informa que a Oxiquímica é fornecedora tradicional da cooperativa. “Projetos como o I9& Celebre são interessantes porque trazem foco e benefícios, o que ajuda na comercialização do produto e para chegarmos ao produtor com resultados em produtividade“, pontua.

Como a Cooxupé trabalha com todas as marcas comerciais de produtos, José Geraldo diz que as transações entre as empresas são muito competitivas, porque todos os fornecedores estão participando da prateleira da Cooxupé e disputando o melhor lugar no campo. Diante disso, os fornecedores criam ferramentas que favoreçam a comercializaçãopara diferenciar.

“Como são muitos os fornecedores da Cooxupé, as empresas trazem o produto, a condição comercial e uma diferenciação, sendo que alguns vêm com serviços, outros com sistemas de troca.Para a Oxiquímica, o I9& Celebre é um programa que traz serviços e auxilia na venda do produto, consequentemente, atendendo melhor ao produtor cooperado.Não basta ter um produto e ele ser de qualidade, é preciso um produto que atenda a necessidade do cooperado, com inovação tecnológica e custo-benefício favorável. É dessa forma que o I9& Celebre atende, favorecendo à cooperativa e à necessidade do cooperado“, justifica.

José Geraldo Junqueira, gerente comercial de insumos da Cooxupé, está satisfeito com os resultados do Projeto I9 &Celebre - Crédito Luize Hess
José Geraldo Junqueira, gerente comercial de insumos da Cooxupé, está satisfeito com os resultados do Projeto I9 &Celebre – Crédito Luize Hess

No campo

Pedro Augusto de Paula é produtor de café na Fazenda Padre Vitor, em Carmo do Rio Claro (MG). Ele é associado da Cooxupé e também cliente da Oxiquímica, no projeto I9& Celebre. “Há oito anos tenho feito testes com vários produtos, e diante dos resultados optei pelos produtos Oxiquímica há seis anos. Chegueià conclusão que, com essa marca tenho melhor qualidade do fruto, maior produtividade, mais crescimento de ramos, desenvolvimento da planta e mais vigor“, enumera.

Segundo o produtor, o custo-benefício dos produtos Oxiquímica compensa mais do que as empresas concorrentes, e por esse motivo Pedro Augusto utiliza em área total. “A cada 40 ou 50 dias, tanto no caso do grão do Café como da folha, percebemos que o produto está proporcionando um bom desenvolvimento para a planta. Mas não é só usar o produto para ter resultado. É preciso saber como usá-lo, no momento certo, levando em consideração uma série de variáveis. Além disso, o projeto I9& Celebrenos dá grande auxílio, orientando sobre quando e como devemos aplicar cada produto“, elogia ele, que percebeu, depois de aderir ao projeto, melhora na qualidade e na produtividade de suas lavouras.

O produtor saiu de um café com 15% de catação para o cereja descascado com 4% de catação. Além disso, conseguiu mais vigor e crescimento aos grãos. “Usamos cinco aplicações do produto I9 Café por ano, totalizando 15 litros por hectare. Em termos de produtividade, chegamos a conseguir 138 sacos por hectare“, calcula.

Essa matéria você encontra na edição de Abril da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira a sua.

 

Inicio Revistas Grãos Oxiquímica apresenta o Projeto I9&Celebre