24.6 C
Uberlândia
sábado, abril 13, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesCadeia produtiva debate protagonismo brasileiro

Cadeia produtiva debate protagonismo brasileiro

Com a presença de mais de 20 lideranças do agro brasileiro, entidade irá integrar cadeia produtiva para um debate intenso e representativo, e promover o apontamento de soluções para que o Brasil seja protagonista mundial sobre o tema Produzir e Conservar

Na próxima segunda-feira (18), o 4º Fórum do Agronegócio irá reunir em Londrina (PR) as principais lideranças do agronegócio do país para debater o protagonismo mundial do Brasil sobre o tema Produzir e Conservar.

O encontro é realizado pela Sociedade Rural do Paraná e busca integrar a cadeia produtiva, envolvendo instituições acadêmicas e de pesquisa, governo, empresas, entidades e associações, para debater e apresentar soluções ao setor por meio de diálogos entre convidados e participantes. A curadoria do evento é de MMarchiori.

Créditos: Divulgação

Durante a programação, três mesas-redondas irão abordar temas estratégicos sobre o potencial do setor no Brasil, suas adversidades e oportunidades para alcançar níveis cada vez mais globais.

O primeiro debate será sobre “Alimentos, fibras e energias renováveis: a integração das cadeias produtivas, a demanda por investimentos e as práticas sustentáveis”. Em uma abordagem mais ampla, para além do desenvolvimento econômico do país, o agronegócio será discutido a partir de setores essenciais para a sua evolução: ciência, tecnologia, biodiversidade, produção e conservação. Participam da discussão o ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, o presidente da Associação Brasileira de Criadores de ZEBU (ABCZ), Gabriel Garcia Cid, o presidente da Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), Luiz Carlos Corrêa Carvalho, o Presidente da Sociedade Rural Brasileira (SRB), Sérgio Bortolozzo, a presidente da Embrapa, Silvia Maria Fonseca Silveira Massruhá, e a diretora da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq-USP), Thais Maria Ferreira. A moderação será do jornalista e editor do InfoMoney, Fernando Lopes.

Para retratar o desenvolvimento do agronegócio brasileiro, é fundamental discutir a resiliência dos sistemas alimentares e suas complexidades, assim como as ações que precisam ser trabalhadas para garantir seu funcionamento contínuo e eficaz. Por isso, a segunda mesa-redonda do evento abordará a “Resiliência dos sistemas alimentares: fortalecer do local para o global”. Integram o debate o secretário da Agricultura e do Abastecimento do Paraná, Norberto Ortigara, o diretor de Assuntos Regulatórios e Científicos da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA), Alexandre Novachi, o diretor na Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Bruno Lucchi, o diretor do Centro de Excelência contra a Fome e representante do Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas no Brasil, Daniel Balaban, o presidente da My Carbon, Eduardo Brito Bastos, o coordenador do Centro de Estudos do Agronegócio da FGV (FGV Agro), Guilherme Soria Bastos, e o presidente da Sociedade Rural do Paraná, Marcelo Janene El-Kadre. A moderação será do jornalista e editor do Globo Rural Cassiano Ribeiro.

A terceira mesa-redonda “Futuro alimentar sustentável: o Brasil e a produção de alimentos frente ao mundo” irá propor soluções e fazer uma reflexão sobre a necessidade de se garantir segurança alimentar e nutrição, ao mesmo tempo em que se conserva, protege e fortalece os recursos naturais. Farão parte da discussão o diretor de Produção Sustentável e Irrigação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento (MAPA), Bruno Brasil, o presidente do Conselho Agronegócio COSAG-FIESP, Jacyr Costa Filho, o presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, o representante no Brasil da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), Rafael Zavala, a presidente da SL Alimentos, Roberta Meneghel, e o líder de Nutrição da Unilever Brasil, Rodrigo Visentini. A moderação será da jornalista e editora da Forbes Agro, Vera Ondei.

Palestras

O Fórum do Agronegócio receberá ainda a Conferência Magna “O Brasil e sua liderança mundial: perspectivas e desafios”, proferida pelo renomado cientista indiano Dr. Rattan Lal, que tem se dedicado ao longo dos anos à pesquisa voltada para a preservação da saúde do solo e à defesa da ideia de ‘produzir mais com menos’, aumentando a produção de alimentos utilizando menos recursos. No currículo, Lal também se destaca como Prêmio Nobel da Paz (2007), Prêmio Mundial da Alimentação (2020), embaixador da Boa Vontade do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e referência na área da agricultura regenerativa. Ele reside em Ohio (EUA), onde atua como professor universitário e diretor do Centro de Gestão e Sequestro de Carbono na Ohio State University (OSU).

O evento será encerrado com a palestra “O futuro sustentável do agronegócio e a integração das cadeias produtivas”, proferida pelo engenheiro-agrônomo e economista, Alexandre Mendonça de Barros.

Serviço

Fórum do Agronegócio
Data: 18 de setembro
Horário da abertura: 9h20 (Receptivo a partir das 9 horas)
Local: Recinto José Garcia Molina – Parque Governador Ney Braga (Avenida Tiradentes, 6275 – Londrina, Paraná).
Inscrições: www.forumdoagronegocio.com

ARTIGOS RELACIONADOS

Como evitar quebras na cadeia produtiva

Impactos podem ser causados em qualquer etapa da produção ou logística, independentemente da causa ou complexidade das quebras

Soluções agroquímicas atendem cafeicultor brasileiro

Manejo fisiológico, controle de ácaros, insetos e doenças ancoram portfólio robusto e transferem resultados consistentes à cultura

Mulheres mostram força na cafeicultura brasileira

Painel “Mulheres na cafeicultura brasileira” foi um dos destaques dos 25 anos da Fenicafé, que acontece até quinta-feira (07), em Araguari, no Triângulo Mineiro.

Dia do Algodão da Abapa congregou a cadeia da fibra

O sucesso de público do Dia do Algodão da Abapa foi marcado pela união de toda a cadeia da fibra. Um evento que celebrou e fortaleceu o setor, reunindo produtores, pesquisadores e empresas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!